BESSA GRILL
Início » Política » Vereadores debatem saída de Cartaxo do PT na CMJP e parlamentar oficializa convite

Vereadores debatem saída de Cartaxo do PT na CMJP e parlamentar oficializa convite

14/08/2015 00:05

Uma remota mudança de legenda do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT), foi um dos temas levantados por alguns vereadores na sessão da Câmara Municipal, nesta terça-feira (12). Algo até então inimaginável, devido a forte ligação do gestor com o Partido dos Trabalhadores (PT), ganhou até convite oficial de parlamentar201508120232420000001816.

Isso porque a vereadora Raíssa Lacerda, presidente municipal do PSD em João Pessoa, revelou a imprensa que já fez o convite ao prefeito para filiar-se à legenda. “Já houve uma conversa, mas não obtive uma resposta. O interesse é do partido de tê-lo como candidato a prefeito, tendo em vista que já foi aprovada no Congresso Nacional uma janela que permite qualquer pessoa de mudar de partido. Aguardamos a resposta de Luciano Cartaxo”, disse.

Ainda de acordo com Raíssa, o convite formulado a Cartaxo tem o aval do deputado federal Rômulo Gouveia, presidente estadual do PSD na Paraíba e do ministro das Cidades, Gilberto Kassab, presidente nacional da legenda e aliado da presidente Dilma Rousseff (PT). “Todos os aliados, inclusive, em nível nacional veem a possibilidade com ótimos olhos”, explicou.

Raíssa também negou que o convite seria uma manobra para aproximar Luciano Cartaxo do senador Cássio Cunha Lima (PSDB), nas eleições de 2016. “Não posso falar em nome do senador, só posso afirmar que não houve sinalização alguma em nome do PSDB”, comentou.

Do PT para o PSDB
O líder da oposição na CMJP, Raoni Mendes (PDT), colocou fogo no debate e disse estranhar o silêncio do prefeito em relação às acusações de corrupção contra lideranças do PT, em nível nacional. “Ele trouxe Lula para a Capital e agora ele silencia. Deve estar buscando um partido e é possível que seja o PSDB que tem aliados fortíssimos na Câmara. Não tenho dúvida que pode acontecer”, disse.

Cartaxo conta atualmente na Câmara Municipal com o apoio dos vereadores Eliza Virginia, Luiz Flávio e Marcus Vinicius, todos do PSDB. O último, inclusive, ocupa atualmente a função de secretário municipal da Comunicação Institucional.

Resposta pesada
O líder do prefeito na CMJP, o vereador Marco Antonio (PPS), rebateu a declaração do oposicionista. Ele disse que nunca ouviu comentário de Luciano Cartaxo sobre a mudança de legenda. Para ele, Raoni deveria se preocupais mais em cuidar da sua filiação, “já que vive em conflito com o PDT”.

“O vereador Raoni deveria se preocupar primeiro com ele, pois, não sabe sequer qual é o seu partido. Ele, ao invés de se preocupar com o partido do prefeito, deveria se preocupar com o partido dele, pois, vejo que ele está numa disputa com o PDT, por onde ele foi eleito, e agora não quer mais se candidatar por lá. Ele tem que dizer ao eleitor dele qual é a sua opção partidária para poder criticar a dos outros”, disse.

www.reporteriedoferreira.com