BESSA GRILL
Início » Política » Serviços de transplantes serão discutidos em audiência pública

Serviços de transplantes serão discutidos em audiência pública

Intenção é melhorar os serviços de saúde na rede pública e privada conveniada ao Sistema Único de Saúde e terá representantes das Secretarias de Saúde do Estado, dos municípios e hospitais

11/01/2013 11:10

A Promotoria da Saúde de João Pessoa vai promover, na próxima quarta-feira (16), uma audiência para discutir os serviços de transplantes na Capital com o objetivo de melhorar os serviços de saúde na rede pública e privada conveniada ao Sistema Único de Saúde (SUS). A audiência será realizada na sede da Promotoria, que fica na Rua Rodrigues de Aguino, nº 91, a partir das 8h30.
A reunião terá a participação de representantes da Secretaria Estadual de Saúde (SES/PB), de Secretarias Municipais, do Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW), do Hospital da Unimed, da Associação Paraibana de Portadores de Hepatopatias, Transplantados Hepáticos e Familiares (Apheto).
De acordo com a promotora de Justiça, Maria das Graças Azevedo, o principal problema é falta de condições dos serviços, principalmente em relação ao pós-operatório dos transplantados. Ela informou que não existe um ambulatório específico onde os pacientes possam ter acompanhamento clínico após o transplante.
Outro problema que é alvo de constantes reclamações por parte dos pacientes, de acordo com a promotora, é a distribuição irregular de medicamentos imunossupressores que são utilizados para evitar a rejeição de um órgão transplantado. A Promotoria já ingressou com uma ação civil pública, desde novembro do ano passado, para regularizar a rede de distribuição de medicamentos excepcionais além dos insumos nos estabelecimentos de dispensação. A ação pede ainda que o Centro Especializado de Distribuição de Medicamentos Excepcionais (Cedmex) divulgue a lista dos medicamentos de alta e média complexidade.