BESSA GRILL
Início » Política » Senadores paraibanos desejam êxito ao novo bispo de Patos

Senadores paraibanos desejam êxito ao novo bispo de Patos

Dom Eraldo Bispo da Silva assumiu a Diocese de Patos neste sábado (16)

17/02/2013 08:13

Vital do Rêgo Filho, Dom Eraldo Bispo da Silva e Cássio Cunha Lima (Crédito: Fotomontagem: WSCOM)

Os senadores Cássio Cunha Lima (PSDB) e Vital do Rêgo Filho (PMDB) enviaram mensagens desejando pleno êxito ao bispo Dom Eraldo Bispo da Silva, que assume a missão de comandar a Diocese de Patos a partir deste sábado (16).

Em telegrama enviado à Diocese de Patos, Cássio Cunha Lima destacou a importância daquela comunidade católica para a região como um instrumento em defesa da fé em Deus e a suatradicional postura em defesa de uma sociedade mais justa e igualitária.

Já Vital do Rêgo Filho externou o seu contentamento por esse momento feliz para a Patos, e disse que só não iria participar da solenidade de posse, porque já tinha agenda para cumprir em Brasília.

Vital do Rêgo reafirmou os seus votos de sucesso ao novo pastor de Patos e disse que estava convicto de ele iria conduzir bem o rebanho de Deus na cidade sertaneja.”Faço votos para que dom Eraldo tenha um pastoreio marcados por bons frutos e pelo anúncio da paz e do amor” desejou. Ele disse que o novo bispo terá um grande território para semear a Palavra de Deus e ajudar a construir um mundo mais justo, fraterno e solidário.

Histórico

Dom Eraldo Bispo da Silva será o 4º Bispo da Diocese de Patos que compreende um território de 11 mil Km² e tem uma população estimada de 400 mil habitantes abrangendo 28 municípios do sertão paraibano. Ele toma posse após pouco mais de um ano da nomeação de Dom Manoel dos Reis de Farias como Bispo Diocesano de Petrolina, ocasião em que a Sede Episcopal de Patos ficou vacante.

O novo Bispo de Patos, Dom Eraldo Bispo da Silva nasceu 13 de agosto, 1966 em Monteiro. Estudou filosofia na IFITEG – Inter-diocesano Seminário São João Maria Vianney, em Goiânia – GO, (1986-1988) e no Seminário Inter-diocesano de Teologia São João Maria Vianney (1989-1992). Tem especialização em Metodologia da formação sacerdotal na UCSAL – Universidade Católica de Salvador (2001-2002) e em Direito Canônico na ITEPAL – Instituto Teológico Pastoral para América Latina, Bogotá, Colômbia (2002). Ele foi ordenado sacerdote em 24 de Abril de 1993 e na Diocese de Barreiras, Bahia, de onde exercia o ministério como vigário geral da Diocese e pároco da paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, antes de assumir a Diocese de Patos.

No decorrer do seu ministério sacerdotal, exerceu os seguintes cargos: vigário da paróquia de Santa Rita de Cássia, na diocese de Barreiras (1993), Chefe da paróquia Nossa Senhora Aparecida, São Desidério (1994-2000), e pastor paróquia de Senhora Santana, em Riachão das Neves (2000-2005), Chefe da paróquia Nossa Senhora Aparecida em Luís Eduardo Magalhães (BA) entre 2005 e 2012, Coordenador da Pastoral Diocesana (1997-1999 e 2004-2006), Chefe para os seminaristas da diocese (1999-2007), Secretário do Conselho Presbiteral, membro do Conselho de Consultores e do Conselho para os Assuntos Económicos da Diocese de Barreiras; auditor juiz eclesiástico da Câmara do Administrador diocesano de Barreiras (2010-2011).

Da Redação com Assessorias