BESSA GRILL
Início » Política » O Plenário da Câmara Municipal aprovou 127 matérias que beneficia população

O Plenário da Câmara Municipal aprovou 127 matérias que beneficia população

7/04/2015 11:56

Câmara20110526113502_06O Plenário da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) aprovou 127 matérias na votação realizada na sessão ordinária da manhã desta quinta-feira (26). Ao todo, foram duas Indicações ao Executivo Municipal e 125 Requerimentos, os quais solicitaram à Administração Pública melhorias para diversas localidades da Capital.

 

Dentre as solicitações de serviços de melhorias aprovadas estão: a revitalização de praças; serviços de calçamento, terraplanagem, recapeamento asfáltico e drenagem de ruas; execução de serviços de limpeza e capinação; pintura de faixas de pedestres; implantação e melhoria de iluminação pública; construção e limpeza de galerias; saneamento básico e regularidade no abastecimento de água; segurança em Unidades de Saúde Familiar (USF); serviços de tapa-buracos em ruas e avenidas da Capital; além de aumento da frota de ônibus da linha que abrange o Bairro das Indústrias.

 

O vereador Chico do Sindicato (PP) teve aprovados requerimentos solicitando à Secretaria Municipal de Saúde  (SMS) a realização de campanhas em escolas de diversos bairros da Capital sobre os malefícios do sedentarismo. Elas incluem também conhecimentos sobre como agir diante de um Acidente Vascular Cerebral (AVC), ocasião em que ocorre o entupimento ou rompimento dos vasos que levam sangue ao cérebro.

 

De autoria do vereador Lucas de Brito (DEM), foi aprovada a Indicação que sugere a realização de testes audiológicos periódicos nos postos de saúde, creches e unidades escolares Municipais. Os exames verificam se as crianças podem ouvir dentro da faixa normal e, caso contrário, qual o tipo e quantidade de perda auditiva detectada para que se indique o tipo de aparelho auditivo a ser utilizado.

JP pode ter aproveitamento e reuso da água das chuvas

A outra Indicação aprovada em Plenário foi de autoria do vereador Marco Antônio (PPS). Ele solicitou ao Executivo Municipal que seja determinado o financiamento de projetos de aproveitamento e reuso da água da chuva em serviços públicos, como creches, escolas, hospitais, prédios da administração pública e conjuntos habitacionais de interesse social.

 

O propositor destacou a importância que há em desenvolver mecanismos para promover a sustentabilidade. “Temos que fazer uma grande corrente nesta Casa em prol da sustentabilidade. Antes, havia o pensamento de que a proteção do meio ambiente prejudicaria o desenvolvimento da cidade, mas hoje a gente sabe que podemos ter os dois. O que a gente vê é que a questão da proteção ao meio ambiente é baseada na mudança de atitude”, destacou Marco Antônio.

 

As vereadoras Eliza Virgínia (PSDB) e Raíssa Lacerda (PSD), além dos parlamentares Lucas de Brito, Renato Martins (PSB), Fuba (PT), Benilton Lucena (PT) e Edson Cruz (PP), ressaltaram a importância da Indicação proposta por Marco Antônio. “Gostaria de parabenizar Marco Antônio pela Indicação, que vem em muita boa hora, em razão dos problemas de falta de água no País”, afirmou Lucas de Brito.

 

Fuba destacou que a população do planeta aumentou significativamente e que, em cerca de 13 anos, faltará elementos essenciais à sobrevivência. “É importante que nós façamos projetos alternativos para garantirmos a nossa própria sobrevivência, como o da produção de energia solar, e principalmente, o do aproveitamento da água das chuvas. O líquido será nosso petróleo no futuro”, afirmou o petista.

www.reporteriedoferreira.com