BESSA GRILL
Início » Nacionais » Morre, aos 58 anos, José Eduardo Dutra, ex-presidente do PT

Morre, aos 58 anos, José Eduardo Dutra, ex-presidente do PT

4/10/2015 16:40

 

Morreu na madrugada deste domingo (4), em Belo Horizonte, o ex-senador José Eduardo Dutra, ex-presidente do PT e da Petrobras. Ele tinha 58 anos e lutava contra um câncer.e4uwnktihdijuu703so2y9hrs

Dutra foi senador por Sergipe, Estado no qual desenvolveu sua vida política, ao lado do ex-governador Marcelo Déda (que morreu em 2013).

DivulgaçãoO ex-senador José Eduardo Dutra morreu hoje aos 58 ano
Nascido no Rio de Janeiro, Dutra foi dirigente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), de 1988 a 1990, e presidente do Sindicato dos Mineiros do Estado de Sergipe (Sindimina), de 1989 a 1994 – ano em que foi eleito senador.

Dutra foi presidente da Petrobras, de janeiro de 2003 a julho de 2005, e presidiu a Petrobras Distribuidora, de setembro de 2007 a agosto de 2009. Ele deixou o cargo para disputar a presidência do Partido dos Trabalhadores, sendo eleito para o biênio 2010-2012. Antes de morrer, era primeiro suplente do senador Antônio Carlos Valadares (PSB/SE).

Leia também
PT errou ao se envolver em escândalos de corrupção, diz Gilberto Carvalho
Em resposta a programa tucano, PT lança campanha contra PSDB e Aécio
Filiado ao PT, servidor lança petição contra prêmio de saneamento para Alckmin
A presidente Dilma Rousseff lançou um comunicado oficial na qual lamenta a morte de Dutra. “Hoje o Brasil se despede de um grande brasileiro, o ex-senador, meu amigo e companheiro, José Eduardo Dutra. Ao longo de toda sua vida, ele foi uma liderança comprometida com o Brasil e nosso povo. Sua dignidade, inteireza de caráter e seriedade jamais serão esquecidas e são a nossa grande perda. Presto minha solidariedade a toda sua família e amigos”, diz a nota.

Jaques Wagner, ex-ministro da Defesa que após a reforma ministerial lançada pelo governo irá comandar a Casa Civil, também manifestou pesar pelo ex-senador. “Recebo com enorme tristeza a notícia do falecimento do amigo e companheiro. Dutra deixou sua marca de sensibilidade, inteligência e compromisso com o povo brasileiro por onde passou. O Brasil perde um grande homem”, lastima Wagner.

www.reporteriedoferreira.com