BESSA GRILL
Início » Política » Ex-prefeito de Campina Grande, quer reeditar vitória sobre Rômulo no Estado e critica “governo virtual” de RC

Ex-prefeito de Campina Grande, quer reeditar vitória sobre Rômulo no Estado e critica “governo virtual” de RC

13/12/2013 00:01

veneziano

O ex-prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rego, pré-candidato do PMDB, ao governo do Estado, na manhã dessa quinta-feira, 12  , em conversa com alguns jornalistas,  disse que quer reeditar em 2014 sua vitória sobre Rômulo Gouveia em 2004, quando foi eleito prefeito de Campina e não economizou nas criticas ao governador Ricardo Coutinho (PSB), a quem atribuiu ter instalado na Paraíba um governo virtual.

“Em 2004 enfrentamos um poderio parecido com o que estamos enfrentando agora, quando o então governador Cássio Cunha Lima, colocou a maquina do Estado a serviço do seu candidato, o presidente da Assembleia Legislativa (Rômulo Gouveia), e um vereador, sem recursos, mas com ideias e projetos, venceu. Quem sabe vamos reeditar essa vitória em 2014”, destacou Veneziano acusado o atual governador e candidato a reeleição, Ricardo Coutinho, de usar o governo para prejudicar sua pré-campanha.

Segundo ele, o governo exerce uma pressão avassaladora nos meios de comunicação para lhe negar espaço e para atacá-lo. “Nunca um governo gastou R$ 80 milhões com publicidade, e reafirmo que não sou contra gastos com publicidade, mas dentro de um limite razoável”.

O peemedebista acusou ainda o governo de usar os veículos oficiais do Estado para promover o governador e atingir seus concorrentes. “Nunca fui chamado para entrevistas na rádio Tabajara, pelo contrário, todos as vezes que fui citado, foi de forma pejorativa tanto na Tabajara, ou no Jornal União”.

Veneziano ainda acusou o governador de forçar relações artificialmente com uso da força da maquina. “Não é possível que vejamos um governante apenas ao cabo do seu terceiro ano de governo, se apresente junto aos municípios que cobram cada vez mais dos entes seja, governo federal ou do governo do Estado, mas para que sejam celebrados qualquer relações tem-se um preço a cobrar”.

Apesar de tecer várias criticas ao governo e ao governador, Veneziano reconhece que tudo que falar do governo Ricardo Coutinho vai soar suspeito, por ele se apresentra como pré-candidato a governador pela oposição, mas destaca que basta pegar os números da Segurança, da Educação e da Saúde, para verificar que não houve planejamento no atual governo.

“Ele (Ricardo Coutinho) falseia informações da segurança e tenta impor de goela abaixo do povo paraibano como se fosse verdade”. Segundo Veneziano, quando os números são apontados por institutos de fora do estado, o resultado é outro. “É um governo virtual”.

Da redação com Wscom