BESSA GRILL
Início » Política » Coligação de Estela pede à Justiça impugnação da candidatura de Luciano Cartaxo

Coligação de Estela pede à Justiça impugnação da candidatura de Luciano Cartaxo

O coordenador jurídico da coligação, Marcelo Weick, disse que as alegações são representadas em três frentes.

20/09/2012 20:55

 

 

A assessoria jurídica da Coligação ‘Pra Seguir em Frente’, encabeçada pela socialista Estela Bezerra, entrou nesta quinta-feira (20) com processo na 77ª Zona Eleitoral contra os candidatos da coligação ‘Unidos Por João Pessoa’ e, dentre outras coisas, solicita a impugnação da candidatura de Luciano Cartaxo (PT) e Nonato Bandeira (PPS), além da inelegibilidade dos mesmos e do atual prefeito Luciano Agra (sem partido), da secretária municipal de Saúde, Roseana Meira, e do procurador-geral de João Pessoa, Wandeberto de Carvalho.

O coordenador jurídico da coligação, Marcelo Weick, disse que as alegações são representadas em três frentes. “O primeiro é o uso da máquina pública em prol de Luciano Cartaxo, coagindo os funcionários da prefeitura a votarem no candidato apoiado pelo atual prefeito, Luciano Agra”, disse. O segundo trata do abuso do poder político e econômico da máquina pública.

“Este se refere às contratações excessivas feitas pela prefeitura no mês de agosto, irregulares e que prejudicaram os cofres públicos do município”, completou. Por último, o coordenador jurídico aponta o uso de ato e dinheiro público com o objetivo de compra de voto indireta.

“Nós esperamos, além da inegibilidade dos citados anteriormente, a imediata cassação do registro da candidatura de Luciano Cartaxo e do vice Nonato Bandeira”, completou Weick.

Assessoria