BESSA GRILL
Início » Política » Bancada Federal da Paraíba apresentará emendas coletivas à LOA 2014, até quinta-feira (05 )

Bancada Federal da Paraíba apresentará emendas coletivas à LOA 2014, até quinta-feira (05 )

28/11/2013 00:02

 

Manoel Jr.A bancada federal da Paraíba no Congresso Nacional definiu na noite desta terça-feira, 26, que as emendas coletivas à Lei Orçamentária Anual (LOA) 2014 serão apresentadas à Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO) na manhã da próxima quinta-feira, dia 28.

Ficou acordado durante o encontro, que a definição das emendas poderá ser feita pelos deputados e senadores até às 18h desta quarta. “È preciso que os parlamentares encaminhem suas emendas até às 18 de amanhã, para que possamos apresentá-las à CMO na manhã da quinta-feira, como sem falta”, disse o coordenador da Bancada da Paraíba, deputado Manoel Junior.

Manoel Junior adiantou durante a reunião, que a sua emenda de bancada será destinada para o fortalecimento do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB); a deputada Nilda Gondin (PMDB) vai direcionar para a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), o deputado Major Fábio (DEM) para a implantação de 10 postos móveis da Manzuá e o senador Cássio Cunha Lima (PSDB), para o Canal do Prado, em Campina Grande.

As emendas vão priorizar ainda, obras para amenizar os efeitos da seca, infraestrutura turística, construção de estradas, saúde, ciência e tecnologia, mobilidade urbana. “O objetivo da Bancada é garantir investimentos em áreas essenciais para o desenvolvimento da Paraíba”.

Até a próxima quinta, os deputados e senadores também têm R$ 14,68 milhões, cada, para apresentar em emendas individuais ao Orçamento de 2014, sendo R$ 7,34 milhões necessariamente para ações e serviços públicos de saúde, feitos pelo Ministério da Saúde. O cálculo já leva em conta a nova redação da proposta de emenda à Constituição do Orçamento Impositivo.

A reunião foi coordenada pelo deputado Manoel Junior e contou com a presença de Wellington Roberto (PR), Major Fábio (DEM), Hugo Motta (PMDB), Leonardo Gadelha (PSC), Damião Feliciano (PDT), Luiz Couto (PT), Benjamim Maranhão (Solidariedade) e Efraim Filho (DEM).

 

da Redação (com assessoria)