BESSA GRILL
Início » Política » Após muita discussão, Assembleia adia votação de aumento para sevidores

Após muita discussão, Assembleia adia votação de aumento para sevidores

A segunda sessão do Ano foi marcada por discussões

20/02/2013 16:28

Na segunda sessão de votação de matérias a Assembleia Legislativa da Paraíba no ano de 2013 já registrou o primeiro embate com discussões acaloradas entre deputados de oposição e situação por conta da aprovação da Medida Provisória que trata do reajuste de servidores estaduais. A obstrução da matéria solicitada pela bancada de oposição foi o motivo dos embates.

Um acordo feito nos bastidores garantiria a aprovação das matérias constantes na ordem do dia, mas o vice-líder da oposição, que ocupa a liderança provisória, deputado Aníbal Marcolino (PEN), solicitou a obstrução da matéria depois que o deputado Ranieri Paulino (PMDB) lembrou que os agentes fiscais solicitaram um debate sobre a MP, que inclui uma bolsa desempenho para a categoria, que segundo eles é inconstitucional.

Pronto, estava travado o primeiro grande embate do ano de 2013, já que o deputado Domiciano Cabral (DEM), que presidia a sessão acatou o pedido da oposição e obstruiu a matéria.

O líder do governo, Hervázio Bezerra (PSDB), protestou contra a decisão alegando que existia um acordo para votar a matéria e que a quebra deste acordo poderia abrir um precedente perigoso para as votações futuras.

Após muita discussão, o presidente da sessão resolveu colocar em votação o pedido de obstrução do deputado Aníbal Marcolino, que foi derrubado pela bancada do governo. Apenas sete deputados votaram pela obstrução.

AS MP’s que tratavam do aumento no Tribunal de Justiça, no Ministério Público, do Tribubal de Contas do Estado e dos servidores da Assembleia Legislativa. O impasse ocorreu apenas na MP de reajuste dos servidores do Estado.

O deputado Edmilson Soares (PEN) assumiu a presidência e encerrou a sessão. Ou seja, a discussão ficou a amanhã.

Da redação com Wscom