BESSA GRILL
Início » Policiais » Violência na PB: Homens são encontrados mortos amarrados e amordaçados, Grupo faz reféns durante assalto a agência dos Correios em Campina Grande

Violência na PB: Homens são encontrados mortos amarrados e amordaçados, Grupo faz reféns durante assalto a agência dos Correios em Campina Grande

5/04/2018 09:30
 

 

 
Assalto acontece na agência dos Correios, em Campina Grande (Foto: Marcos Vasconcelos/TV Paraíba)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Assalto acontece na agência dos Correios, em Campina Grande (Foto: Marcos Vasconcelos/TV 

Quatro homens tentaram assaltar uma agência dos Correios, em frente a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), no bairro Bodocongó, em Campina Grande. Um dos suspeitos foi preso e está dentro da viatura da Polícia Militar. Um outro está do lado de fora, junto com os policiais, tentando negociar com mais dois suspeitos que ainda estão dentro do estabelecimento com alguns reféns.

De acordo com a Polícia Militar, os vigilantes da empresa de segurança do local reagiram ao assalto. Até as 8h46 não havia informações sobre quantos reféns estavam dentro da agência.

Um colete à prova de balas já foi repassado para os suspeitos que estão dentro da agência. Estão no local equipes do Corpo de Bombeiros e do Samu, para atender os reféns e os suspeitos quando a ação foi encerrada.

Além disso, no início da manhã, a polícia escutou um disparo de arma de fogo vindo de dentro da agência dos Correios, mas até as 8h46 não havia informações sobre feridos.

Homens são encontrados mortos amarrados e amordaçados em Cuité, PB

Dois homens ainda sem identificação foram encontrados mortos com as mãos amarradas e bocas amordaçadas na manhã desta quinta-feira (5), na Zona Rural de Cuité, no agreste da Paraíba. De acordo com a Polícia Militar, os homens foram atingidos por trás.

Ainda segundo a PM eles foram chamados por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) que passou pelo local e encontrou os corpos na estrada por volta das 4h.

Até as 06h30 desta quinta-feira (5) ninguém foi preso. O local foi isolado e aguarda a perícia do Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (NUMOL) de Campina Grande, para onde devem ser levados os corpos. A Polícia Civil deve investigar o caso.

 

www.reporteriedoferreira.com.br   com G1pb