BESSA GRILL
Início » Notícias » Violência; Polícia registra quatro assassinatos,num dos crimes a vítima foi um profesor

Violência; Polícia registra quatro assassinatos,num dos crimes a vítima foi um profesor

11/11/2015 01:42

 

A terça-feira (10) foi marcada pela violência em cidades diferentes da Paraíba. Os homicídios foram registrados em Campina Grande (2),Cajazeiras (1), Cabedelo (1) e João Pessoa (1).

Somente no período noturno, três pessoas foram assassinadas. O primeiro crime ocorreu no Sertão do Estado, como a imprensa havia divulgado. Já por volta das 20h30, um adolescente foi morto no final da Travessa Rodrigues Alves, na Comunidade Porto de João Tota, no bairro de Mandacaru. Ele não foi identificado, mas aparenta ter até 15 anos. A vítima foi morta com um tiro de espingarda calibre na cabeça e disparos de pistola pelo corpo.

Na cidade de Cabedelo, na região metropolitana da Capital, outra morte foi registrada. Neste caso a vítima foi um homem identificado como Carlos Henriques. Ele estava na frente da escola Estadual Imaculada Conceição quando foi executado. Havia a informação de que ele teria reagido a um assalto, mas a hipótese não se confirma, inicialmente, pois o aparelho celular da vítima estava em uma das suas mãos e não foi levado pelos suspeitos.

Populares informaram aos policiais que Carlos Henrique dava aulas voluntárias nessa escola e que ele desenvolvida trabalhos junto às comunidades negras.

Ainda em Campina Grande, um homem acusado de tentar assaltar um supermercado localizado na Avenida Floriano Peixoto, no Centenário, acabou sendo morto pelo vigilante. O caso foi registrado por volta das 18h. Felipe da Costa Silva tinha 24 anos e era albergado. Segundo testemunhas, ele entrou no estabelecimento usando um capacete, fato que chamou a atenção dos funcionários e da equipe de segurança. Ele teria sacado um revólver e anunciado o assalto, mas o vigilante agiu mais rápido e atirou.

DEFICIENTE CONSIDERADO MAIOR TRAFICANTE DA REGIÃO É EXECUTADO EM CAJAZEIRAS

Um homem foi assassinado no início da noite desta terça-feira (10) no Conjunto Pio X, na Cidade de Cajazeiras, Sertão do Estado. Segundo a polícia, Marcos Pereira da Silva, conhecido por “Marcos Aleijado”, foi morto por dois homens que se aproximaram da residência dele e efetuaram seis tiros na cabeça da vítima.

Ele tinha 42 anos e era albergado. Ainda conforme a polícia, Marcos cumpria pena na Cadeia de Catolé do Rocha. Os suspeitos não foram identificados.

 

 

www.reporteriedoferreira.com