BESSA GRILL
Início » Notícias » Urquiza emite nota à PMJP e pede exoneração

Urquiza emite nota à PMJP e pede exoneração

27/09/2012 16:44

Apesar de toda a solidariedade do prefeito Luciano Agra, atribuindo a divulgação dos escândalos, o secretário Alexandre Urquiza (Transparência) decidiu pedir exoneração da Prefeitura de João Pessoa, na manhã desta quinta-feira (dia 27). Urquiza vinha no olho do furacão, de uma série de denúncias, envolvendo desde o cadastramento de sua filha no programa Bolsa Família, até a nomeação de pelo menos quatro parentes próximos na Prefeitura.

Em nota distribuída à Imprensa, Urquiza pontuou, formalizando sua demissão da Secretaria de Transparência Pública: “Venho a público, por meio desta esta Nota, pedir minha exoneraçāo do cargo de secretário que ora ocupo na PMJP. Fui escolhido como alvo nesta reta final de campanha com o único objetivo de atingir a admiistraçāo do prefeito Luciano Agra.”

Adiante, acrescentou: “Nāo importam as declarações e explicações que eu tentei prestar sobre todos esses fatos. As forças poderosas a serviço do Palácio da Redençāo já me condenaram com o único objetivo de atingir o prefeito, devido a sua opçāo política nestas eleições. Caso eu, Agra e outros companheiros tivéssemos apoiado a candidata oficial, nada disso estaria ocorrendo.”

E concluiu: “Agradeço a Deus pela força infinita, pela confiança do prefeito Luciano Agra e a todos que se solidarizaram comigo e minha família diante das armações e do desrespeito dos que fazem de tudo para se manter no poder.” As acusações contra Urquiza foram atribuídas a pessoas próximos do governador Ricardo Coutinho.

Agra, que foi pego de surpresa com a decisão de Urquiza, alfinetou o governador sobre as denúncias contra seu secretário: ““É engraçado, ele sempre teve Urquiza como uma pessoa muito próxima e confiável, todo mundo sabe e agora muda de postura, quando o próprio Urquiza foi o seu chefe de gabinete, por isso condeno a falta de solidariedade dele.”

NOTA
PEÇO EXONERAÇĀO DO CARGO QUE OCUPO NA PMJP
Venho a público, por meio desta esta Nota, pedir minha exoneraçāo do cargo de secretário que ora ocupo na PMJP. Fui escolhido como alvo nesta reta final de campanha com o único objetivo de atingir a admiistraçāo do prefeito Luciano Agra.
Nāo importam as declarações e explicações que eu tentei prestar sobre todos esses fatos. As forças poderosas a serviço do Palácio da Redençāo já me condenaram com o único objetivo de atingir o prefeito, devido a sua opçāo política nestas eleições. Caso eu, Agra e outros companheiros tivéssemos apoiado a candidata oficial, nada disso estaria ocorrendo.
Agradeço a Deus pela força infinita, pela confiança do prefeito Luciano Agra e a todos que se solidarizaram comigo e minha família diante das armações e do desrespeito dos que fazem de tudo para se manter no poder.

com informações do blog Helder Moura