BESSA GRILL
Início » Notícias » Tribunal de Justiça concede liberdade ao juiz Edvaldo Albuquerque

Tribunal de Justiça concede liberdade ao juiz Edvaldo Albuquerque

Apesar da liberdade, Edvaldo está impedido de visitar o Fórum de Mangabeira

14/11/2013 17:54

Juiz Edvaldo Albuquerque

O juiz José Edvaldo Albuquerque de Lima, preso durante a Operação Astringere, deflagrada da Polícia Federal, no último mês de abril, ganhou a liberdade nesta quinta-feira, 14, depois que o desembargador Joás de Brito Pereira expediu alvará de soltura.

“O Tribunal agiu acertadamente  ao soltar o juiz, que agora responderá ao processo em liberdade e, de forma muito tranquila, provará sua inocência”, destacou o advogado Aécio Farias, responsável pela defesa do juiz.

Apesar da liberdade, Edvaldo está impedido de visitar o Fórum de Mangabeira, ausentar-se da Comarca de João Pessoa e manter contato com as testemunhas do processo.

Operação

A operação Astringere, em João Pessoa, teve como objetivo de apurar as práticas de crimes de formação de quadrilha, corrupção, apropriação indébita, fraude processual, entre outros ilícitos. Os crimes eram praticados por policiais, servidores públicos, advogados e particulares e o magistrado.

 

Da redação com informações e Foto do bayeuxemfoco.