BESSA GRILL
Início » Notícias » Três tentativas de assassinatos foram registradas pela polícia na grande João Pessoa

Três tentativas de assassinatos foram registradas pela polícia na grande João Pessoa

plantão de quinta-feira( 19 )

20/12/2013 06:43

Apenado tenta subornar policial

pb 1Um pernambucano que cumpre pena na Penitenciária Doutor Romeu Gonçalves de Abrantes Presídio de segurança máxima, também conhecido por PB1, foi autuado em flagrante  na noite dessa quinta-feira. Ele teria oferecido propina a um agente penitenciário para levar um aparelho celular para o apenado identificado como ‘Miramar’, que seria o chefe da ‘facção ‘Okaida’.

Em relato à polícia, o agente penitenciário informou que o acusado o abordou e teria oferecido o dinheiro para que ele entregasse um aparelho celular para o apenado ‘Miramar’, que também está no PB1. Após a conversa, o agente comunicou aos outros agentes e montaram a ação que resultou na autuação.

O pernambucano, ‘Miramar’ e outro apenado que estava na cela foram levados para a 9ª Delegacia Distrital, em Mangabeira. O acusado confessou que o dinheiro seria depositado na conta do agente ainda na noite dessa quinta, caso ele entregasse o celular.

Motorista é vitima de tentativa de homicídio

motorista baledo

Roberto de Karla,  motorista de  alternativo foi baleado nessa quinta-feira (19), na Ilha do Bispo, em João Pessoa.

Dois homens em uma moto se aproximaram do veículo conduzido pelo motorista, Roberto de Karla, e dispararam várias vezes contra a vitima. Foi anunciado um assalto, mas os bandidos nada levaram, apenas o alvejaram.

O motorista foi encaminhado ao Hospital de Trauma, socorrido pela viatura da Polícia Militar.

jovem e pai são baleados em um carro

Giroflex, Polícia, ViaturaBaleados no bairro do Paratibe, Zona Sul de João Pessoa, pai e filho estavam em um carro trafegando pela PB-008. O fato aconteceu na tarde dessa quinta-feira (19), no final  da tarder

Dois homens em uma moto se aproximaram do veículo das vítimas e atiraram várias vezes. O menor, de 15 anos, foi baleado nas costas, e seu pai, identificado como José Ronaldo, foi atingido com um tiro na cabeça.

As vítimas foram encaminhadas para o Ortotrauma de Mangabeira, em um carro comum. Logo depois, o pai do adolescente, José Ronaldo, foi transferido para o Hospital de Trauma.

A polícia afirma que há suspeitas de envolvimento do menor em homicídios na praia de Jacumã, onde as vítimas residem. Os acusados do atentado ao pai e filho ainda não foram encontrados.