BESSA GRILL
Início » Notícias » Tôrres acusa LC de trazer eleitores da PB para consultas e exames em JP: “Crime”

Tôrres acusa LC de trazer eleitores da PB para consultas e exames em JP: “Crime”

23/11/2017 19:11

Cartaxo havia criticado a gestão de saúde do Estado, destacando a incapacidade, segundo o prefeito, de gestão dos Hospitais

O secretário de Comunicação do Estado, Luís Tôrres, acusou, nesta quinta-feira (23), o prefeito Luciano Cartaxo (PSD) de cometer “crime eleitoral”. De acordo com o secretário, o prefeito estaria fechando acordo com prefeitos para encaminhar eleitores dos municípios para realizar consultas nas unidades de saúde da Capital, inflando o número de atendimentos, e posteriormente acusado os Hospitais do Estado de incapacidade.

Cartaxo havia criticado a gestão de saúde do Estado, destacando a incapacidade, segundo o prefeito, de gestão dos Hospitais Reginais da Paraíba. “Hospitais do governo não funcionam e as pessoas correm para nossa Capital”, disse o prefeito.

O secretário rebateu , e classificou a afirmação do prefeito como “piada” e “confissão de crime eleitoral”.

 

“Piada porque Cartaxo é que deixa o Trauminha como está, e não pode falar de exemplo de saúde. Confissão de crime pois ele está formando acordo com prefeitos para que encaminhe cabos e eleitores para fazer consulta e exames em João Pessoa em detrimento dos habitantes de João Pessoa”, declarou.

 

Tôrres ainda afirmou que Cartaxo prefere dar espaço à população de outros municípios, e deveria explicar porque os pessoenses estariam com dificuldades de marcar consultas na Capital.

 

“Ele esta preferindo dar espaço para outros municípios. Cartaxo tem que explicar porque o pessoense tem dificuldade de marcar consulta. Pessoas de fora estão vindo capitaneadas para isso, e o pessoense tem que esconder que é de João Pessoa”, declarou.

As declarações foram feitas em entrevista à Correio Fm.

www.reporteriedoferreira.com.br