Uma reunião do Conselho Tarifário Municipal de João Pessoa aprovou aumento na passagem do transporte coletivo nesta sexta-feira (18). Cabe, agora, ao prefeito Luciano Cartaxo decidir sobre a aplicação ou não do valor proposto pelo órgão de consulta.

Atualmente válida a tarifa de R$ 2,20, o valor pode subir para R$ 2,40, caso seja homologado pelo prefeito da Capital. No ano passado, o último aumento na passagem elevou a tarifa à R$ 2,30. Com os protestos de junho, o valor foi reajustado para menos, ficando na casa dos R$ 2,20, aplicados atualmente nos ônibus de João Pessoa.

De acordo com a Associação de Empresas de Transportes Coletivos Urbanos de João Pessoa (AETC-JP), o preço do diesel influencia o aumento, pois o combustível custava, em 2012, R$ 1,84, e, atualmente, chega a custar R$ 2,31.

A AETC-JP propôs acréscimo no valor da passagem durante esta semana, justificando que o reajuste no salário dos motoristas, após a greve dos ônibus, teria aumentado os custos das empresas. Na capital, 300 mil pessoas dependem do transporte coletivo, distribuídas pelas 82 linhas, que contam com 468 ônibus em circulação.

A proposta de reajuste para R$ 2,40 no valor da passagem dos ônibus ainda vai ser avaliada pelo prefeito Luciano Cartaxo.

Como o aumento de salário foi válido também para os profissionais dos transportes coletivos da região metropolitana, o reajuste no valor da passagem poderia chegar aos ônibus destas cidades. Porém, nada ainda foi apresentado fora da Capital sobre mudanças nas tarifas.