BESSA GRILL
Início » Notícias » PT paraibano repudia Eduardo Cunha por declarações contra filiados

PT paraibano repudia Eduardo Cunha por declarações contra filiados

Protestos marcaram sessão pública da AL na última sexta

13/04/2015 10:02

 

R8JN-1O diretório estadual do PT na Paraíba pronunciou-se neste domingo sobre os acontecimentos da última sexta-feira, 10, na Assembleia Legislativa da Paraíba, ocasião em que o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB), foi retirado do plenário da Casa devido aos protestos de movimentos sociais presentes nas galerias.

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Adriano Galdino (PSB), chegou a pedir apoio dos parlamentares Frei Anastácio (PT) e Estela Bezerra (PSB) para dialogar com os manifestantes. Cunha, em entrevista, acusou a deputada socialista e o petista Anísio Maia de incentivarem a militância, além de disparar críticas ao Governo do Estado, alegando omissão do Poder Executivo.

Veja, na íntegra, a nota do PT Estadual:

“Em virtude dos acontecimentos ocorridos no último dia 10 de abril de 2015 na Assembléia Legislativa do Estado da Paraíba (ALPB), o Diretório Estadual do PT, reunido ordinariamente, resolve:

1)         A Câmara dos Deputados, hoje comandada pelo sr. Eduardo Cunha, tem tomado decisões contra os interesses do povo, a exemplo da maioridade penal e da terceirização geral na produção e serviços. Com isso, em diversas partes do Brasil, tem atraído manifestações e resistências dos movimentos sociais e populares.

2)         Foram essas manifestações e resistências que levaram centenas de pessoas a Assembléia Legislativa para dizer ao sr. Eduardo Cunha que, sob o seu comando, a Câmara dos Deputados tem sido ofensiva e contrária aos interesses do povo da Paraíba e do Brasil.

3)         O deputado Eduardo Cunha, em sua agenda na Paraíba, instigou, ainda mais, a divisão em que se encontra o país, revelando desprezo pelos movimentos sociais e suas legítimas reivindicações. Em nenhum momento se propôs ouvir o povo e escutar suas propostas acerca da reforma política, por conseguinte, foi enfrentado com apitaços e vaias.

4)         O PT está solidário com os deputados Anísio Maia e Frei Anastácio em face das suas lutas na Assembléia Legislativa, sempre em defesa dos excluídos, oprimidos e da legítima participação popular naquele poder, assim como, se solidariza com a deputada Estela Isabel [SIC] do PSB e com o governador Ricardo Coutinho, ambos acusados injustamente de incentivadores e omissos no episódio ocorrido na referida Casa legislativa. Assim como, também, elogia e enaltece a bravura de nossa bancada municipal, por barrar a concessão do Título de Cidadania da capital ao sr. Eduardo Cunha.

5)         Por fim, o Diretório Estadual do PT,  seus parlamentares e sua militância, continuarão lutando, denunciando e resistindo aos que defendem o retrocesso para a sociedade paraibana e brasileira.

João Pessoa, 11 de abril de 2015.”

www.reporteriedoferreira.com