BESSA GRILL
Início » Notícias » “Operação Esqueleto” prende mais um

“Operação Esqueleto” prende mais um

22/09/2012 05:02

ais uma pessoa foi presa em decorrência da Operação Esqueleto, iniciada na última quarta-feira (19), na região metropolitana de João Pessoa. Na manhã desta sexta-feira (21), a Polícia Civil prendeu Maria das Graças Henrique de Brito, de 28 anos, na comunidade do Timbó, nos Bancários, na capital.

Com ela, a polícia apreendeu várias pedras de crack, uma escopeta calibre 12 e celulares. De acordo com o delegado titular do Grupo de Operações Especiais (GOE), Cristiano Jacques, a acusada é esposa de Bruno Florêncio Teixeira, o “Gugu”, um dos presos no início da Operação Esqueleto.

“Ela tinha como função dentro do grupo esconder a droga, tirando de um lugar para outro, evitando assim o flagrante e dificultando o trabalho da polícia. A cada aprofundamento das investigações, estamos localizando e prendendo outras pessoas envolvidas no crime, além de retirar armas e drogas de circulação”, afirmou o delegado, acrescentando que outras pessoas podem ser presas no decorrer das investigações.

A acusada foi encaminhada ao Presídio Feminino da capital, onde vai permanecer à disposição da Justiça.

Operação esqueleto – A Operação já contabiliza 44 prisões, além da apreensão de armas e drogas. A ação desarticulou um grupo criminoso que atuava na Capital e que possuía vários de seus membros encarcerados, de onde continuavam comandando as atividades criminosas.

A ação, coordenada pela Polícia Civil, aconteceu de forma integrada com Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal, Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco), Ministério Público Estadual, e teve origem a partir de investigações realizadas pelo Grupo de Operações Especiais (GOE). Ao todo, 355 policiais atuaram na operação que cumpriu 50 mandados de prisão e de busca e apreensão no bairro do Timbó, na capital e nas cidades de Bayeux e Santa Rita.

 

 

 

 

da Secom