BESSA GRILL
Início » Notícias » Jornalista tem apartamento arrombado por bandidos

Jornalista tem apartamento arrombado por bandidos

Polícia tenta identicar os bandidos

18/08/2013 18:43

Walter Santos

A violência ARROMBA meu direito cidadão.  Somente as vítimas da violência urbana de João Pessoa, Paraíba, Brasil podem identificar a dor e sentimento de perda quando se estar com sua vida ameaçada, seus bens violados sem a menor justificativa. Neste domingo de chuva na Capital das Acácias deparei-me com a porta principal do meu apartamento arrombada pelos agressores violentos, incapazes de entender a paz e o respeito mútuo como essência de vida. Nem a Polícia, o Condomínio – que se revela com sua segurança inteiramente frágil – ninguém podem superar meu sentimento de dor profunda por estar sendo agredido nem sei porque. Só a Familia e os amigos confortam. Sem uma única peça roubada, me fez pedir proteção a Deus e cuidar-me mais e melhor de mim porque os agentes Policiais também não nos garantem nada. Pior é olhar o saldo de vida e sentir-se um Brasileiro decente, homem a respeitar todas as diversidades e contraditórios da vida ameaçado pela mald…Ver mais

A violência ARROMBA meu direito cidadão

Somente as vítimas da violência urbana de João Pessoa, Paraíba, Brasil podem identificar a dor e sentimento de perda quando se estar com sua vida ameaçada, seus bens violados sem a menor justificativa. Neste domingo de chuva na Capital das Acácias deparei-me com a porta principal do meu apartamento arrombada pelos agressores violentos, incapazes de entender a paz e o respeito mútuo como essência de vida. Nem a Polícia, o Condomínio – que se revela com sua segurança inteiramente frágil – ninguém podem superar meu sentimento de dor profunda por estar sendo agredido nem sei porque. Só a Familia e os amigos confortam. Sem uma única peça roubada,  me fez pedir proteção a Deus e cuidar-me mais e melhor de mim porque os agentes Policiais também não nos garantem nada.  Pior é olhar o saldo de vida e sentir-se um Brasileiro decente, homem a respeitar todas as diversidades e contraditórios da vida ameaçado pela maldade. Por que me amedrontar quando na Mídia de meu Estado exerço a simples condição de reprodutor dos fatos à vista, nunca movidos por nenhum interesse de minha parte? O fato é que tudo acontece dois dias depois de escrever e atestar no Portal da WSCOM informações de grave problema na Justiça Eleitoral, cujo conteúdo nunca o busquei e foi reproduzido a partir da Policia Federal. Seguirei meu caminho sabendo desde já toda a Sociedade que neste Estado de direito ou geográfico pessoas de Bem vivem ameaçadas pela simples forma de Ser Ético. Com proteção divina vou seguir o caminho adiante, sereno e pronto para servir ao meu Estado, como às vezes ele me faz indagar por que vez em quando quer me fazer tanto mal, se eu só tento e faço tanto bem? Como diz Caetano, que “Deus nos guie / se eu não posso guiar”. Triste Paraiba!