BESSA GRILL
Início » Esportes » Jogando fora de Casa Botafogo-PB empatou com o ASA em 1 x 1.

Jogando fora de Casa Botafogo-PB empatou com o ASA em 1 x 1.

André Lima fez gol contra, mas Doda deixou tudo igual no Fumeirão

20/07/2014 18:12

Gramado do Coaracy da Matta Fonseca, o “Fumeirão” (Crédito: Veronilson Freire/tvtorcedor.com.br)

Após quase 50 dias de pausa, a Série C voltou com força máxima para ASA e Botafogo-PB. Nesse período, o Belo se consagrou bicampeão paraibano em final contra o Campinense. Com o tropeço do Fortaleza, a missão do Botafogo-PB é conseguir uma vitória e encostar no time cearense. Badé e Luciano Curió são as novidades no time titular devido à suspensão de Cazumba e Aidar estar se recondicionando fisicamente após uma lesão.

Primeiro Tempo

Nos primeiros minutos de jogo, a pressão foi da equipe de João Pessoa: logo aos 3 minutos, Curió fez boa jogada pela esquerda e finalizou de canhota obrigando Pedro fazer boa defesa e mandar para escanteio. Na cobrança, Badé cruzou para Magno Alves desviar para o gol e Pedro mandar para outro escanteio.

Na segunda cobrança de escanteio, Frontini recebeu o cruzamento e mandou para o fundo das redes, mas a arbitragem anulou o gol, alegando falta do atacante do Belo.

Depois do abafa inicial do Botafogo-PB, o jogo equilibrou e ficou truncado no meio-campo. Aos 11 minutos, o time de João Pessoa teve outra chance de bola parada: Pio bateu uma bomba e o goleiro do ASA não segurou, no rebote a zaga afastou.

A primeira chance do time alagoano só veio aos 16 minutos: Marlon dominou na grande área, girou e finalizou, mas a bola passou à esquerda da meta de Genivaldo, que não chegaria se a bola tivesse tomado o rumo certo.
3 minutos depois, Marlon e Wanderson tabelaram e Didira recebeu o passe, mas na hora da finalização, a defesa do Belo se fechou e impediu a concretização do perigo.

O jogo esfriou após esse lance, o ASA tinha mais posse de bola, porém o Botafogo-PB foi mais perigoso ao longo do jogo e teve mais chances claras de abrir o marcador. O ASA só teve outra chance aos 35, quando Didira, livre na área, cabeceou para fora.

O Belo ainda teve uma chance antes do fim do primeiro tempo: aos 42 minutos, o estreante Badé finalizou da esquerda e a bola raspou a trave de Pedro.

Segundo Tempo

Na etapa final, o Botafogo-PB voltou melhor, com mais posse de bola e dominando o jogo: aos 5 minutos, Lenílson arrancou, invadiu a área e chutou forte de perna esquerda. Pedro se esticou todo e fez uma bela defesa proporcionando escanteio para o time de João Pessoa.

Após a ofensiva do Belo, foi a vez do ASA: o time avançou e conseguiu marcar aos 11 minutos. Marlon cruzou da direita e Tiago Cavalcanti desviou. A bola ainda bateu em André Lima antes de ir às redes. Foi marcado gol contra do defensor do time paraibano.

Porém, o golpe não afetou o Belo que logo respondeu: aos 15 minutos, Doda recebeu assistência de Lenílson para deixar tudo igual no Fumeirão. Dois minutos depois, quase a virada com Luiz Paulo que entrou no segundo tempo no lugar de Frontini. Ele recebeu passe de Curió e bateu cruzado, mas a bola foi para fora.

No segundo tempo o jogo melhorou em intensidade e movimentação. Ambas as equipes estavam em busca da vantagem no placar. Até então, o Belo estava melhor no segundo tempo, dominando os espaços e com mais posse de bola.

Aos 27 minutos, Chapinha entrou no lugar de Lenílson. A ideia de Vilar foi dar mais agilidade e uma nova movimentação ao setor ofensivo do Belo.

Porém, quem melhorou no jogo foi o ASA, que passou a ficar mais tempo com a bola e a trocar passes no setor ofensivo. Aos 29, Natan chutou de longe e forçou Genivaldo a defender. O jogo era lá e cá.
Aos 33 minutos, o Belo respondeu com Luiz Paulo: que recebeu na área e finalizou sutilmente, mas a bola foi à linha de fundo.

Um minuto depois foi a vez do time alagoano, quando Tiago Baiano recebeu na área e finalizou para Genivaldo fazer a defesa. Os últimos minutos de jogo foram de pressão do time de Arapiraca, empurrado pela torcida. O Belo teria espaço nos contra-ataques para tentar a virada.

Porém, nenhuma das equipes conseguiu marcar e assim terminou o jogo no Fumeirão: ASA 0 x 0 Botafogo-PB. O nome do Belo na partida foi Doda, que além do gol, se movimentou bastante e trouxe muito perigo ao time alagoano.

Pós-jogo

Com o empate, o Belo chegou aos 10 pontos e foi ultrapassado pelo CRB que venceu o Águia de Marabá fora de casa e chegou aos 11 pontos. O ASA chegou aos 8 pontos, mas permanece na 7ª colocação.

Na próxima rodada, o Belo pega o Fortaleza no sábado (26), no PV e o ASA viaja à Catalão para duelar contra o CRAC, um dia depois. No meio de semana, o Belo pega o Santa Cruz no Arruda, pelo segundo jogo da Copa do Brasil.