A ex-esposa do deputado federal eleito Julian Lemos (PSL), Ravena Coura, usou a rede social Instagram para criticar o ex-marido. Ela aproveitou o aniversário de Carlos Bolsonaro para lhe desejar os parabéns pelos 36 anos completados nessa sexta-feira (7) e disse que, finalmente viu justiça divina acontecer, fazendo referência às represálias da família Bolsonaro ao paraibano Julian.

A semana foi turbulenta nas relações entre integrantes do PSL, até entre o presidente eleito, seu filho Carlos e a relação deles com o homem que Bolsonaro considerou ser o coordenador de sua campanha no Nordeste, com confissão ao vivo em entrevista à rádio da Paraíba.

No Twitter, Carlos Bolsonaro disse que Julian não era coordenador de Bolsonaro no Nordeste. “Julian Lemos, a pessoa que tem se colocado como coordenador de Bolsonaro no Nordeste não é e nunca foi! Detalhes creio que todos sabem!”, publicou ele.

“Sr. @JulianLemosopb1 quem elegeu Bolsonaro foram pessoas de todos os segmentos e que nenhum momento pleiteiam algo a mais a não ser um Brasil melhor! Bolsonaro age somente ajudando candidatos pelo Brasil. Sugerimos parar de aparecer atrás dele por algum motivo como faz sempre!”, completou Carlos no Twitter.

Após essas declarações, Ravena parabenizou Carlos pelo aniversário e completou: “Um dia pedi a Deus que colocasse alguém para enfrentar a mentira, a hipocrisia, a violência, a ingratidão, a falsidade, a ambição, a corrupção, a blasfêmia, a intransigência, a arrogância, a prepotência, o autoritarismo. E então Ele usou você.”

 

E a semana continuou não sendo das melhores para Julian Lemos, eleito em 7 de outubro pela primeira vez como deputado federal da Paraíba. No domingo (30), o Buzz Feed News BR publicou um vídeo em seu canal no Youtube em que ex-funcionários de Julian o acusam de não pagar direitos e de ameaças com uso de arma de fogo posta em cima da mesa para intimidação e até a presença de um suposto pistoleiro. Veja no vídeo no topo da matéria.

www.reporteriedoferreira.com.br  Por Ig