BESSA GRILL
Início » Esportes » Copa América: Brasil vence Venezuela e encara o Paraguai;Colômbia avança e enfrenta a Argentina

Copa América: Brasil vence Venezuela e encara o Paraguai;Colômbia avança e enfrenta a Argentina

22/06/2015 09:30

Brasil vence Venezuela e encara o Paraguai nas quartas de final

brasilNeymar, suspenso, não entrou em campo, mas o Brasil venceu mesmo assim. Sem seu principal astro, suspenso da Copa América, a seleção venceu a Venezuela por 2 a 1 sem grandes dificuldades, fechou a primeira fase na liderança do Grupo C e agora vai pegar o Paraguai. Os gols foram marcados por Thiago Silva, Firmino e Arango.

O resultado e a atuação afastaram, provisoriamente, o fantasma da ausência de Neymar, principal figura e capitão do time que não empolgou nas duas primeiras rodadas. Robinho e Philippe Coutinho entraram no time, Miranda assumiu a faixa de capitão e o time só foi ameaçado no finzinho, quando Dunga fez testes e colocou David Luiz de volante e Marquinhos de lateral. Se passou longe de dar show neste domingo, o Brasil ao menos conseguiu vencer sem sustos e com amplo domínio do jogo.

Agora, terá a missão de exibir-se da mesma forma diante dos rivais mais fortes no mata-mata. O primeiro compromisso será no sábado que vem, contra o mesmo Paraguai que eliminou o Brasil na Copa América 2011 nos pênaltis. Se vencer, o time de Dunga vai às semifinais para enfrentar Argentina ou Colômbia.

Salvo uma grande reviravolta, terá de fazer tudo isso sem Neymar. O camisa 10 foi suspenso por quatro jogos após a confusão armada no duelo contra a Colômbia e teve de ver a vitória sobre a Venezuela de um camarote. Na próxima terça, a Conmebol deve decidir se reduz, ou não, a pena imposta ao craque do Barcelona.

Cadê você, James? Meia “some”, mas Colômbia avança com ajuda do Brasil

colombiaPode ser que o frio de 7 graus em Temuco tenha congelado o futebol de James Rodríguez, mas numa análise mais sensata também é possível perceber que o camisa 10 nem de perto apresentou o futebol de sua temporada no Real Madrid, tampouco repetiu o brilho da Copa do Mundo nesta Copa América. Contra o Peru, outra atuação sofrível, de passes errados, decisões incorretas e até mesmo a falta de chamar a responsabilidade, como em falta na entrada da área que deixou Cuadrado acertar a barreira. O empate por 0 a 0 classificou os peruanos de imediato e só colocou os colombianos nas quartas de final depois que o Brasil derrotou a Venezuela, por 2 a 1, no Monumental de Santiago.

Como conseguiu avançar na bacia das almas, a Colômbia terá pela frente a Argentina, em Viña del Mar, sexta-feira, às 20h30 (de Brasília). Um presente de grego, mas merecedor pelo pouco que jogou no Chile até agora – e não apenas da parte de James, como de Falcao García (substituído por Jackson Martínez no segundo tempo), Cuadrado (hoje péssimo), Teo… Poucos, como o zagueiro Murillo e o volante Sánchez, se salvaram. O Peru, por sua vez, segue em Temuco para enfrentar a Bolívia de Marcelo Moreno – os dois como segundos colocados de suas chaves.

Argentina vence a Jamaica em ritmo de treino no 100º jogo de Messi

argentinaA Argentina jogou em ritmo de treino, desperdiçou muitas chances de gol e fez só 1 a 0 na Jamaica, nesse sábado, em jogo marcado pela 100ª apresentação de Messi com a camisa alviceleste.

Apesar das homenagens de torcedores, que vestiram máscaras de “La Pulga”, o camisa 10 não mostrou grande interesse e pouco fez em termos ofensivos.

Com a vitória, a Argentina garantiu a liderança do grupo B da Copa América e pega o segundo melhor terceiro colocado – que pode sair do grupo do Brasil ou ainda ser o Equador em último caso.

Uruguai empata com Paraguai e vai enfrentar o Chile nas quartas de final

uruguaiNa reedição da final da última Copa América, ninguém levou a melhor. Podendo até perder por diferença mínima, o atual campeão Uruguai empatou com o já classificado Paraguai por 1 a 1, gols de José Giménez e Lucas Barrios, ambos de cabeça no primeiro tempo ainda. Na terceira colocação do Grupo B, com quatro pontos, a Celeste enfrenta os anfitriões chilenos na abertura da próxima fase, quarta-feira, às 20h30 (de Brasília), no Estádio Nacional de Santiago.

Isso se os eliminados jamaicanos não aprontarem contra a também garantida antecipadamente Argentina, no complemento da rodada. Os guaranis estão provisoriamente em primeiro, com cinco, um à frente da seleção de Messi.

Quem não teve muitos motivos para comemorar foi Cavani. Durante os 90 minutos, o camisa 21 sofreu no ataque uruguaio. Sem o seu companheiro Suárez, fora da Copa América por causa da suspensão pela mordida no italiano Chiellini no Mundial de 2014, só teve duas chances boas para concluir. Mas, sem marcação na área, deu um chute que passou raspando a trave e outro nas mãos do goleiro. Continua zerado no torneio.