BESSA GRILL
Início » Notícias » Assassina do modelo seria obcecada pela noiva dele

Assassina do modelo seria obcecada pela noiva dele

"Ela é uma psicopata”, afirmou o delegado Everaldo Filho sobre a mulher suspeita de ser a mandante do crime.

10/01/2013 14:11

A polícia informou nesta quinta-feira(10) que o assassinato do modelo Dalmi Carvalho Barbosa foi um crime passional. Segundo a polícia, uma mulher de 27 anos, que era amiga do modelo e também da noiva dele, seria a mandante do homicídio. Dalmi foi assassinado a tiros no dia 22 dezembro no município de Santa Rita, na Grande João Pessoa.

As investigações apontam que a suspeita, que já se encontra presa, estaria apaixonada pela noiva do rapaz. “Ela tinha obsessão por essa garota”, disse o delegado Everaldo Filho.

Além da mulher, ainda foram detidos três rapazes. Um deles, apontado como o atirador, recebeu R$ 100 pelo homicídio. Um outro rapaz, que tinha uma dívida de R$ 400, com a jovem suspeita de ser a mandante do crime aceitou participar do homicídio para ter a dívida perdoada. O terceiro suspeito, um segurança, foi detido com a arma do crime.

O delegado Pedro Ivo, da Homicídios, participou da coletiva e disse que a mulher confirmou ter sido a mandante, mas que a intenção não era matar o modelo Dalmi. De acordo com o depoimento da suspeita, o objetivo do grupo era atirar nos testículos de Dalmi para que ele ficasse impossibilitado de engravidar a noiva.

A acusada chegou até a criar um álibi dizendo que estava no dentista durante o crime. A jovem enviou mensagens para o celular da irmã, dizendo que estava no dentista, e ainda conseguiu um exame falso.

“Em sete anos de profissão eu nunca vi um caso como esse. Ela é uma psicopata”, afirmou o delegado Everaldo Filho sobre a mulher suspeita de ser a mandante do crime.

O modelo Dalmi Carvalho Barbosa, de 27 anos, foi assassinado na manhã do dia 22 de dezembro em Santa Rita. A princípio a polícia trabalhava com a hipótese de uma tentativa de assalto. Pois de acordo com testemunhas, os suspeitos haviam tentado roubar o celular do modelo e ele teria reagido.

Pelos menos três tiros atingiram o rapaz que morreu no local. Após investigação, a polícia descobriu que o crime havia sido premeditado.

 

 

 

 

do g1