BESSA GRILL
Início » Notícias » Tiroteio deixa um morto e dois feridos e travestir morre no Trauma

Tiroteio deixa um morto e dois feridos e travestir morre no Trauma

24/02/2016 10:59

HOMEM MORRE E DOIS SÃO  BALEADOS PERTO DA CBTU

82480cc1de20160224111558Três homens foram baleados em frente à Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), em João Pessoa. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e enviou ambulância até o local do crime.

Uma das vítimas foi socorrida por carro particular até o Hospital de Emergência e Trauma da Capital. Outra pessoa ferida também foi internada na unidade, após ser socorrida pelo Samu.

Um homem morreu antes de ser hospitalizado. A Polícia Militar conseguiu capturar três suspeitos de autoria dos crimes de homicídio e tentativa de homicídio. De acordo com a PM, na ação foram apreendidos uma pistola calibre 380 e um revólver calibre 38, além de três munições intactas e duas deflagradas.

O motivo do atentado não foi divulgado até as 11h. Os acusados foram encaminhados para a Central de Polícia Civil, no Geisel.

Atualização

O Hospital de Trauma da Capital divulgou boletim médico após às 11h em que informa a situação das duas vítimas internadas. Um homem de 37 anos deu entrada na unidade às 10h20, e outro, de 37, foi internado às 10h39. Ambos foram submetidos a cirurgia e o estado de saúde é grave.

TRAVESTI MORRE EM HOSPITAL VÍTIMA DE TIROS

bd0282993020160224115607A travesti internada na madrugada desta quarta-feira (24) no Hospital de Trauma de João Pessoa morreu na manhã de hoje. A informação foi dada pela assessoria da unidade e a vítima foi identificada com o nome de registro sendo Gleidson Bruno, de 26 anos.

“O Serviço Social do Hospital de Trauma solicita o comparecimento em caráter de urgência de familiares do paciente […]”, informou o hospital. A trevesti estava na Rua da República durante a madrugada quando foi surpreendida por homens em um carro. Eles efetuaram disparos de arma de fogo contra ela e fugiram.

A vítima foi socorrida pelo Samu e internada em estado grave. Depois de passar por procedimentos médicos, inclusive cirurgia, Gleidson não resistiu aos ferimentos e morreu.

www.reporteriedoferreira.com