BESSA GRILL
Início » Internacionais » Número de mortos na Síria supera os 100 mil, diz ONU

Número de mortos na Síria supera os 100 mil, diz ONU

Ban Ki-moon pediu que sejam feitos esforços para conferência de paz. Conflito na região já dura 28 meses.

25/07/2013 12:58

1_9

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, afirmou nesta quinta-feira (25) que mais de 100.000 pessoas morreram na guerra civil na Síria e pediu que sejam feitos novos esforços para organizar uma conferência de paz.

Ban e o secretario de Estado americano, John Kerry, disseram aos jornalistas antes das conversações na sede das Nações Unidas que não pode haver uma solução militar para o conflito que já dura 28 meses.

Enquanto as organizações sírias afirmam que mais de 100 mil pessoas já perderam a vida no conflito, a ONU tem sido mais cautelosa quanto ao número de vítimas.

Mas nesta quinta Ban declarou: “Mais de 100 mil pessoas morreram, milhões foram deslocadas e bairros residenciais foram transformados em refúgios”.

“Temos que acabar com isso, as ações militares e violentas devem ser detidas por ambas as partes e é imperativo a realização de uma conferência de paz em Genebra o quanto antes”, acrescentou.

Estados Unidos e Rússia se comprometeram em pressionar para que esta conferência seja de fato realizada em Genebra, a fim de chegar a um plano de transição para a Síria.

As divergências entre grupos opositores sírios somadas aos obstáculos diplomáticos impostos pelo governo do presidente Bashar al-Assad bloqueiam os esforços para convocar uma nova reunião.

O presidente da Coalizão Nacional Síria, Ahmad Kharba, se encontra em Nova York, onde espera se reunir com Kerry antes da reunião com os enviados do Conselho de Segurança na sexta-feira (26).

G1