BESSA GRILL
Início » Internacionais » Mais de 40 pessoas morrem em acidente aéreo em Taiwan

Mais de 40 pessoas morrem em acidente aéreo em Taiwan

23/07/2014 19:31

Ao menos 41 pessoas morreram após um avião de passageiros da companhia aérea TransAsia Airways realizar nesta quarta-feira um pouso forçado na ilha Penghu, que pertence a Taiwan, relata a CNN citando jornais e agências taiwanesas. A ilha Penghu fica na costa oeste da ilha principal de Taiwan. Segundo o ministro dos Transportes de Taiwan, Yeh Kuang-shih, outras nove pessoas ficaram feridas no acidente com a aeronave – um modelo ATR-72, turboélice bimotor – e foram encaminhadas para um hospital da região.

Autoridades taiwanesas informaram que o avião pegou fogo após pousar no fim de uma rodovia, antes de conseguir chegar ao aeroporto. O motivo que levou o piloto a tentar um pouso de emergência não foi imediatamente esclarecido. “É caótico o cenário”, disse Jean Shen, diretor das autoridades da aviação civil à agência Reuters. “O corpo de bombeiros está apagando as chamas”, completou. Segundo o site de notícias Taiwan News, o voo GE222 – entre o aeroporto de Kaohsiung, no sul de Taiwan, com destino ao aeroporto de Magong, na ilha Penghu – estava sendo feito sob péssimas condições atmosféricas.

A aeronave estava programada para sair de Kaohsiung às 16h00 do horário local, mas partiu às 17h43 por causa do mau tempo. O piloto teria pedido esperar até as 19h06 antes de ser autorizado a decolar. A primeira tentativa de pouso teria falhado, e em seguida, o piloto fez um pedido para fazer uma segunda tentativa. Pouco tempo depois, a torre de controle perdeu contato com o voo, segundo relatos.

Durante a tentativa de pouso de emergência, o avião teria batido com força no chão e em seguida ele pegou fogo e provocou um incêndio que envolveu pelo menos outras duas casas próximas. Fotospostadas em uma rede social mostram uma casa muito danificada e destroços do avião. De acordo com a o canal de notícias locais Focus Taiwan, 58 pessoas, incluindo quatro tripulantes, estavam a bordo do voo GE222.

O piloto foi identificado pela mídia local como Lee Yi-liang, de 60 anos, e seu co-piloto como Chiang Kuan-Hsing, de 39 anos. Cada um deles tinha mais de 20.000 horas de voo em seus registros profissionais. As primeiras suspeitas levantam a hipótese de o acidente ser consequência da passagem do tufão Matmo sobre Taiwan e Penghu no início do dia, trazendo fortes ventos e chuvas.

O aeroporto de Magong foi fechado após o incidente, forçando seis voos voltarem ao aeroporto de Taipei. Na capital, o primeiro-ministro Jiang Yi-huah estava preparando uma visita à Administração Aeronáutica Civil para acompanhar as investigações do acidente. Uma do governo, especialistas em aviação e parentes das vítimas irão voar para o local do acidente em breve. Ao longo dos últimos treze anos, a companhia TransAsia Airways registrou oito acidentes, incluindo seis com o modelo franco-italiano ATR-72.


Veja