BESSA GRILL
Início » Internacionais » Jovem negro morto pela polícia de St. Louis foi atingido pelas costas

Jovem negro morto pela polícia de St. Louis foi atingido pelas costas

22/08/2015 00:02

Resultado contradiz versão de que ele teria apontado arma a policiais.
2015-08-21t100908z_18573303
Da Reuters
Dennis Ball-Bey, pai de Mansur Ball-Bey, é visto na frente da casa onde seu filho foi morto pela polícia em St. Louis, no Missouri, na quinta (20). Bichos de pelúcia e uma foto de Mansur foram colocados no local (Foto: Reuters/Lawrence Bryant)
A autópsia de um negro morto a tiros por policiais brancos da cidade norte-americana de St. Louisnesta semana mostrou que o jovem de 18 anos morreu em função de um único tiro que entrou pelas costas e atingiu seu coração, disse um médico legista nesta sexta-feira (21).

saiba maisPolícia mata homem negro a tiros em St. Louis e provoca novos protestos
A revelação pode elevar as tensões que irromperam imediatamente após o incidente na quarta-feira, quando manifestantes e familiares do jovem morto questionaram o relato da polícia, segundo a qual Mansur Ball-Bey apontou uma arma para os oficiais.

Os resultados da autópsia revelam que Ball-Bey foi alvejado do lado superior direito das costas por uma bala que atingiu seu coração e uma artéria próxima, afirmou o legista-chefe de St. Louis, Michael Graham.

Esta e outras descobertas do exame parecem contradizer a versão do incidente dada pela corporação, que declarou que dois policiais atiraram em Ball-Bey quando ele lhes apontou uma arma enquanto fugia de uma casa onde a polícia realizava um mandado de busca. A polícia afirmou que Ball-Bey soltou a arma e continuou a correr depois de ser atingido.

Sua morte levou a confrontos violentos entre moradores e policiais na noite de quarta-feira, quando os oficiais usaram equipamento de choque e gás lacrimogêneo contra alguns manifestantes.
tópicos:Estados Unidos

www.reporteriedoferreira.com