BESSA GRILL
Início » Internacionais » Ataque a centro da polícia no Paquistão deixa mortos e feridos

Ataque a centro da polícia no Paquistão deixa mortos e feridos

25/10/2016 04:30

Nenhum grupo assumiu ataque, executado por seis homens armados.
Feridos eram recrutas em treinamento na província de Baluchistão.

Soldados paquistaneses chegam a Centro de Treinamento Policial atacado em Quetta, na madrugada de terça (25) (Foto: Reuters/Naseer Ahmed)Soldados paquistaneses chegam a Centro de Treinamento Policial atacado em Quetta, na madrugada de terça (25) (Foto: Reuters/Naseer Ahmed)

Seis homens armados atacaram na noite desta segunda-feira (24) um centro de formação da polícia paquistanesa perto da cidade de Quetta (sudoeste), deixando pelo menos 44 mortos e 118 feridos.

Segundo a agência de notícias France Presse, o ministro de assuntos internos da província de Baluchistão, Mir Sarfaraz Ahmed Bugti, havia declarado inicialmente que 20 pessoas morreram, mas pouco depois atualizou o número para 44.

Já de acordo com o relato de um oficial de saúde à agência Associated Press, 33 pessoas morreram.

O porta-voz do executivo do Baluchistão, Anwar Kakar, disse mais cedo, quando o balanço ainda era de 20 feridos, que a maioria dos feridos era de recrutas.

Veículo da polícia é visto na entrada do Centro de Treinamento Policial atacado em Quetta, na madrugada de terça (25) (Foto: Reuters/Naseer Ahmed)Veículo da polícia é visto na entrada do Centro de Treinamento Policial atacado em Quetta, na madrugada de terça (25) (Foto: Reuters/Naseer Ahmed)

O ataque foi contra o Colégio da Polícia do Baluchistão, situado 20 km ao sul de Quetta.

Disparos eram ouvidos horas mais tarde.

Nenhum grupo reivindicou até agora o ataque, mas sabe-se que os separatistas atuam há vários anos no Baluchistão, província sacudida por conflitos intercomunitários frequentes e atos de violência cometidos por extremistas islâmicos.

www.reporteriedoferreira.com Por G1