A fala do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) sobre a possibilidade de implantação de um novo Ai-5 no país, caso a esquerda venha a “radicalizar” não recebeu o aval de seu pai, o presidente da República Jair Bolsonaro (PSL).

O presidente lamentou a declaração de Eduardo e disse que quem fala em AI-5 “está sonhando”.

A fala de Eduardo foi dada durante entrevista para a jornalista Leda Nagle, divulgada nesta quinta no canal dela no YouTube. Questionado sobre o assunto, Bolsonaro criticou a fala de seu filho e ressaltou que o AI-5 pertence ao passado, não existe mais.

“O AI-5 já existiu no passado, em outra Constituição, não existe mais. Esquece. Vai acabar a entrevista aqui. Cobrem deles. Quem quer que seja que fale em AI-5, está sonhando. Está sonhando! Não quero nem que dê notícia nesse sentido aí”, respondeu o presidente.

Questionado se tiraria satisfação com seu filho sobre o assunto, Bolsonaro apenas lamentou. “Ele é independente. Tem 35 anos, se não me engano […] Se ele falou isso, que eu não estou sabendo, lamento. Lamento muito”, afirmou Bolsonaro.

 

www.reporteriedoferreira.com.br
com informações do G1