BESSA GRILL
Início » Nacionais » Mesmo sem chuva Nível do Rio Itajaí-Açu segue em emergência

Mesmo sem chuva Nível do Rio Itajaí-Açu segue em emergência

23/10/2015 09:59

Abrigos foram montados em Rio do Sul para receber vítimas da chuva (Foto: Larissa Vier/RBS TV)Abrigos foram montados em Rio do Sul para receber vítimas da chuva (Foto: Larissa Vier/RBS TV)

Mesmo sem previsão de mais chuva para a região do Vale do Itajaí até domingo (25), o nível do Rio Itajaí-Açu segue em emergência na noite desta quinta-feira (22).

Com novos registros de alagamentos, inundações, quedas de barreiras e deslizamentos de terra entre quarta (21) e quinta-feira (22) em várias partes de Santa Catarina, já chega a 88 o número de municípios afetados pelas chuvas desde 8 de outubro. Pelo menos oito cidades tiveram decretos de situação de emergência reconhecidos pela Defesa Civil estadual.

Previsão do tempo
Para a sexta (23), a previsão é de diminuição de chuva no estado. Porém, as nuvens devem permanecer sobre Santa Catarina, segundo a Epagri/Ciram, órgão que monitora as condições meteorológicas do estado.

As áreas mais próximas ao Paraná, do Oeste ao Norte, ainda ficam com tempo mais instável e sujeito à chuva, alternado com períodos de melhoria.

Na madrugada e manhã, há condições de raios e temporal isolado com granizo, especialmente nas áreas mais próximas ao Paraná.

Nível e barragens
Às 22h, o Rio Itajaí-Açu atingiu 10,49 metros em Rio do Sul e 9,87 metros em Blumenau. Nas duas cidades, as águas vem subindo desde a manhã de quarta (21).

As duas mais importantes barragens da região são usadas para tentar controlar as águas do Itajaí-Açu. Em Ituporanga, no rio Itajaí do Sul, e em Taió, no Itajaí do Oeste. Esses dois rios foram o Itajaí-Açu.

Na barragem de Ituporanga, às 22h, a ocupação era de 122,8% com todas as cinco comportas fechadas. Ela transbordou às 12h.

Em Taió, no mesmo horário, a ocupação era de 110,8%. A barragem transbordou perto das 18h. Uma hora depois, três das sete comportas foram abertas.

Chuva SC: em Rio do Sul há casas com água até o telhado (Foto: Caio Marçani/Divulgação)Em Rio do Sul há casas com água até o telhado (Foto: Caio Marçani/Divulgação)

Comportas
A ideia é tentar equilibrar o tanto de água que transborda de cima da barragem com a quantidade que sai embaixo pelas comportas.

Isso porque o que transborda de cima não é possível controlar. Pelas comportas, os técnicos podem abrir e fechar para decidir o quanto de água sai de uma só vez.

O objetivo é que a barragem tenha reserva suficiente para domingo, quando há nova previsão de chuva.

A abertura e o fechamento de comportas depende de muitos fatores, incluindo se voltar a chover. Por isso, não é possível prever como será o funcionamento das barragens durante a noite desta quinta e a madrugada de sexta.

Chuva SC: nível do rio está acima do normal em Blumenau (Foto: Luis Salviato/RBS TV)Nível do rio está acima do normal em Blumenau (Foto: Luis Salviato/RBS TV)

Atingidos
Em todo o estado, são 18.725 afetados, segundo o órgão. Ao todo, estão desalojadas 997 pessoas e desabrigadas, 868.

Cidades em emergência
As cidades de Lebon Régis, Papanduva, Agronômica, Ituporanga, Quilombo, Itajaí, São Cristovão do Sul e Angelina decretaram emergência. O município de Chapecó, no Oeste, decretou emergência nesta quinta, mas ainda não havia o reconhecimento.

Entre quarta (21) e quinta (22), 22 cidades tiveram estragos registrados por vendavais, inundações, alagamentos e granizo.

Desde o início do mês, três pessoas morreram em ocorrências relacionadas às chuvas. O caso mais recente foi registrado no fim de semana, quando um homem morreu afogado após cair em um rio.

www.reporteriedoferreira.com