BESSA GRILL
Início » Nacionais » Candidato ao Senado tem AVC e morre no Rio de Janeiro

Candidato ao Senado tem AVC e morre no Rio de Janeiro

6/10/2018 19:12

Rio – O candidato do Partido da Causa Operária ( PCO ) ao Senado pelo Rio de Janeiro Fernando José Fagundes Ribeiro , de 54 anos, morreu na noite desta sexta-feira, vítima de complicações após ter sofrido um acidente vascular cerebral (AVC) durante um um debate.

O candidato passou mal durante um debate na Faculdade Nacional de Direito da UFRJ, no Centro do Rio, no dia 26 de setembro. Fernando Fagundes era professor de política e poética na Universidade Federal Fluminense (UFF).

De acordo com o site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a candidatura de Fernando Fagundes foi indeferida, mas ele era considerado apto a concorrer ao Senado porque havia a possibilidade de recurso.

Em um comunicado, o PCO informou que o candidato ficou internado durante o todo o período e morreu, de acordo com as primeiras informações, de septicemia (infecção generalizada).

O Diretório Central dos Estudantes (DCE) da UFRJ havia publicado nas redes sociais uma nota em solidariedade ao candidato ao Senado no dia 26 de setembro, quando Fernando Fagundes sofreu o AVC no campus da UFRJ no Centro do Rio. De acordo com os estudantes, “o candidato do PCO, Fernando Fagundes, passou mal e foi socorrido de imediato, sendo levado para a UPA mais próxima” e acrescentaram que após o atendimento na unidade “ele foi transferido durante a madrugada para a UTI do Hospital Espanhol”.

Pelas redes sociais, o candidato ao Senado pelo Psol do Rio, Chico Alencar, escreveu uma mensagem de solidariedade ao partido e à família de Fernando Fagundes.

 

O Globo