BESSA GRILL
Início » Cidades » A centenária Loja “Sete de Setembro” n. 11, desejo vida longa e harmoniosa Por: Theodorico Gomes

A centenária Loja “Sete de Setembro” n. 11, desejo vida longa e harmoniosa Por: Theodorico Gomes

8/09/2019 18:44

A loja foi fundada na então Villa de Cabedello em um 7 de setembro de 1911.

Ao nome “Sete de Setembro” foi originalmente adicionado o ordinal “segunda”, uma vez que já existia uma loja com mesmo nome em São Paulo. Então, era Loja “Sete Setembro Segunda”. Recebeu o breve n. 902.A ideia de instalar uma loja maçônica em Cabedelo era recepcionar irmãos que aportavam na então vila.

O acesso à vila era difícil e se dava por cavalo ou pela linha férrea, construída no início de 1889 por ordem da Princesa Isabel. Menos de 3 anos após a fundação da Loja, os obreiros perceberam que era inviável manter a loja em Cabedelo e a transferiram para João Pessoa (chamada Parahyba), num sobrado alugado na rua Visconde de Inhaúma, onde hoje é a praça Antenor Navarro.

Foi nesse sobrado que a Loja Branca Dias foi fundada em 10 de janeiro de 1918. Esse imóvel foi demolido para a construção da praça Antenor Navarro. Desde então, a “Sete de Setembro” passou a se reunir na Loja Regeneração do Norte.Seu primeiro Venerável Mestre foi o irmão Thomaz Ferreira Soares.

A “Sete de Setembro” trabalhou no rito moderno e sob a obediência do Grande Oriente do Brasil entre 1911 a dezembro de 1936, quando se desligou do GOB em solidariedade a seu Venerável Mestre, Ascendino Nóbrega, suspenso pelo Grão Mestre da Ordem em razão de ter sido solidário à Loja Regeneração do Norte.

Em 1937, por meio do ato n. 33/1937 do grão mestre Hermenegildo Di Láscio, a Loja se regulariza perante a Grande Loja da Paraíba e passa a se reunir na loja Branca Dias.Dos 25 fundadores da Loja Branca Dias, 05 pertenciam aos quadros da Loja Sete de Setembro, inclusive o irmão Guilherme Antonio da Costa, que foi o primeiro Venerável Mestre da Branca Dias.

Hoje, como em 1911, a “Sete de Setembro” procura inovar e, em breve, terá seu Templo a céu aberto, sob a proteção da abóbada celeste e as bênçãos de Nossa Senhora da Penha. Mais um ato de vanguarda da Loja, como foi o de ser fundada em Cabedelo, numa época de acesso dificílimo. Está no DNA da Loja Sete de Setembro esse espírito desbravador e corajoso!

Por ter ajudado a fundar, bem como acolhido a loja em seus primeiros frágeis meses, a Benemérita e Benfeitora Loja Branca Dias n 01 tem uma gratidão e um carinho diferente pela centenária Loja Sete de Setembro 11.

Parabéns pelos 108 anos!

www.reporteriedoferreira.com.br Por: Theodorico Gomes Portela Neto