BESSA GRILL
Início » Esportes » Santos sai da Libertadores, mas promete brigar no tapetão

Santos sai da Libertadores, mas promete brigar no tapetão

29/08/2018 13:22

O Santos empatou com o Independiente em 0 a 0 na noite desta terça-feira, no Pacaembu, e foi eliminado da Libertadores nas oitavas de final. Após a torcida alvinegra jogar bombas dentro do gramado, o árbitro chileno Julio Bascuñan encerrou o jogo aos 42 minutos do segundo tempo por falta de segurança.

Na terça passada, em Avellaneda, a disputa também tinha terminado sem gols, e a combinação de resultados levaria a decisão para os pênaltis. Mas, antes da partida de volta, a Conmebol mudou o placar da ida para 3 a 0 para o time argentino, que acabou classificado para as quartas.

a manhã de terça-feira, a Confederação Sul-Americana de Futebol anunciou que o Santos estava punido por ter escalado Carlos Sánchez de forma irregular no jogo de ida, uma semana atrás, na Argentina. Pelo River Plate, o meio-campista uruguaio tinha sido expulso em sua última participação em competição da entidade, em 2015.

A estratégia do clube, a partir de agora, é apelar para instâncias superiores da Justiça esportiva, como o TAS (Tribunal Arbitral do Esporte), na Suíça. Na chegada ao Pacaembu, antes da partida, o presidente José Carlos Peres declarou que tentaria parar a Libertadores até que o caso fosse definitivamente julgado.

www.reporteriedoferreira.com.br G1