BESSA GRILL
Início » Esportes » Livre de lesões, Fellype Gabriel fará “pré-temporada” antes de estreia

Livre de lesões, Fellype Gabriel fará “pré-temporada” antes de estreia

23/05/2016 10:40

fellype-gabriel-vascoPara Fellype Gabriel, um recomeço. Para Jorginho, uma boa opção para função que ainda carece de sintonia fina no meio-campo vascaíno. Entre os dois, paciência. Muita paciência. Contratado até o fim de 2016, o meia chega a São Januário elogiado por sua versatilidade, mas precisará aguardar cerca de um mês para mostrar seus predicados em campo. Se a avaliação do Cappres não apontou lesão no joelho castigado nos últimos anos, os quase sete meses de inatividade o obrigam a fazer uma espécie de pré-temporada particular.

Em oito meses no Palmeiras, Fellype Gabriel foi relacionado para dez partidas e entrou em campo somente em uma. Coincidentemente, o rival era o Vasco, que venceu por 2 a 0, em São Paulo, no dia 8 de novembro. Foram apenas 20 minutos em campo. Depois, nada mais. De contrato rescindido, ele vinha mantendo a forma sozinho, mas a avaliação da comissão técnica apontou que ainda está bem abaixo do ideal.

Oficialmente, o Vasco não estipula uma meta para estreia do quarto reforço da temporada. A expectativa, porém, é de que Fellype esteja em boas condições em um período de três semanas a um mês. Por conta do histórico recente de lesões, um trabalho preventivo será realizado paralelamente ao de condicionamento físico, assim como foi feito com Diguinho no início da temporada. A estrutura disponibilizada pelo Cappres foi determinante para a chegada do jogador à Colina.

Ao assinar contrato, Fellype Gabriel prometeu não medir esforços para entrar em forma e ficar à disposição de Jorginho:

– Muito feliz de poder vestir essa camisa. Vou fazer de tudo para honrá-la. Quero estar em campo o mais rápido possível, me dedicar bastante nos treinamentos. Trabalhar de manhã, de tarde e de noite. Fui muito bem recebido.

Bem recebido e muito elogiado por Jorginho. Em busca de um jogador que cumpra com maior dinâmica a função que vem sendo de Julio dos Santos, o treinador falou sobre o reforço, que chega com histórico de entrosamento com Marcelo Mattos e Andrezinho dos tempos de Botafogo.

– É um jogador que atua como segundo ou terceiro volante, como meia-atacante, é muito tático. Ele se machucou no ano passado, mas já está bom, jogou contra a gente, inclusive, mas não teve tanta oportunidade assim (no Palmeiras). Sabemos o que ele pode representar para gente daqui para frente. Vamos colocá-lo em uma condição boa de jogo. Não chegou machucado, chegou bem, e vamos precisar ajustar para que comece os treinamentos fortes. Com certeza, será muito importante nessa caminhada de volta para Série A e na Copa do Brasil.

Ainda sem Fellype Gabriel, o Vasco volta a jogar na próxima terça-feira, às 21h30 (de Brasília), no Mané Garrincha, contra o Vila Nova, pela terceira rodada da Série B. Com duas vitórias em dois jogos, a equipe lidera a competição.

www.reporteriedoferreira.com G1