BESSA GRILL
Início » Esportes » Fortaleza vence o Treze fora de casa e garante classificação às quartas

Fortaleza vence o Treze fora de casa e garante classificação às quartas

Guto e Ciro Sena são os autores dos gols tricolores. Equipe paraibana, mesmo com boa posse de bola, praticamente não consegue finalizar a gol

30/09/2012 03:37

O Fortaleza venceu o Treze, no Estádio Amigão, em Campina Grande, por 2 a 0, pela Série C do Campeonato Brasileiro, e garantiu a vaga nas quartas de final da competição. Com futebol envolvente, o Tricolor do Pici dominou praticamente toda a partida e deixou a equipe paraibana com pouco espaço de criação. Com o empate por 1 a 1 entre Águia de Marabá e Paysandu, o Tricolor do Pici permanece na segunda posição, com 29 pontos, a garante a classificação, já que só pode ser ultrapassado por mais duas equipes na tabela – termina pelo menos em quarto lugar no Grupo A.

O Treze, em quarto lugar na chave, fica com a vaga no G-4 comprometida. E pode cair até para a sétima posição ao fim dos jogos deste domingo.

Na próximo sábado, o Fortaleza recebe o Cuiabá, no Estádio Presidente Vargas, às 17h. Já o Treze encara o Paysandu, fora de casa, em Belém, a partir das 16h.

Treze não chuta a gol, Fortaleza cria mais, mas desperdiça as chances

Quando a bola rolou no Estádio Amigão, parecia que o Fortaleza era quem estava jogando em casa. Tanto que logo no primeiro minuto, o Tricolor já deu o primeiro susto no time do Treze. Esley chutou de muito e longe e forçou o goleiro Carlos Luna a fazer a primeira boa defesa do jogo. No rebote do goleiro alvinegro, Cléo bateu de primeiro, mas isolou.

O Fortaleza seguia melhor na partida, tentando pressionar o time paraibano, que conseguiu chegar poucas vezes à área tricolor. Numa dessas subidas ao ataque, Júlio Zabotto acionou Aderlan pela direita. O lateral recebeu dentro da área e foi derrubado. Torcida e jogadores trezeanos pediram pênalti, mas o árbitro mandou seguir.

Mas o Tricolor cearense seguia melhor na partida e, em dois lances seguidos, o goleiro do Treze teve que se desdobrar para salvar seu time. Aos 21, Rafinha recebeu de Assisinho, fora da área, próximo à meia-lua. O lateral tricolor deu um corte no zagueiro e tocou de perna esquerda. Carlos Luna se esticou todo e tocou para escanteio.

Treze x Fortaleza pela Série C do Campeonato Brasileiro (Foto: Silas Marinho/Globoesporte.com)Fortaleza dominou boa parte das ações em campo, contra o Treze, que pouco criou nesta partida
(Foto: Silas Marinho/Globoesporte.com)

Quatro minutos mais tarde, Assisinho recebeu bom passe pela direita e, de dentro da área, bateu cruzado, forte, e Carlos Luna apareceu para fazer mais um bonita e importante defesa.

O Treze não conseguiu articular as jogadas de ataque. O Alvinegro tinha maior posse de bola, mas não conseguiu concluir as jogadas em gol. O Fortaleza, mais objetivo que foi durante todo o primeiro tempo, voltou a assustar aos 42 minutos. Em jogada individual, Rafinha se livrou da marcação e, próximo à quina esquerda da grande área, acertou um belo chute, com efeito. A bola caprichosamente beijou a trave esquerda de Carlos Luna, que já estava batido no lance. No rebote, a defesa do Treze afastou o perigo.

Sem o Treze conseguir finalizar e com o Fortaleza desperdiçando as chances criadas, em tarde inspirada do goleiro Carlos Luna, o placar da primeira etapa acabou mesmo em 0 a 0.

G1