BESSA GRILL
Início » Esportes » Em evento da Copa, Jairzinho detona o presidente do Botafogo: “Fui traído”

Em evento da Copa, Jairzinho detona o presidente do Botafogo: “Fui traído”

11/05/2014 23:40

taca_da_copa_294_1Em passagem por João Pessoa para o Tour da Taça da Copa do Mundo, o ex-jogador Jairzinho fez duras críticas ao atual presidente do Botafogo, Maurício Assumpção. O Furacão da Copa de 70 se sentiu traído ao ver seu filho, Jair Ventura, ser demitido do cargo de auxiliar técnico do Glorioso. O ex-jogador lembrou ainda que ajudou Assumpção nas duas eleições que ele venceu e comentou sobre a importância do seu filho no Fogão.

– Eu fui traído. Eu ajudei o Maurício (Assumpção) a se eleger e se reeleger e ele me deu como prêmio mandar meu filho embora, depois de seis anos. A importância dele (Jair Ventura) era vital para o comportamento tático da equipe do Botafogo, porque ele fazia a leitura dos próximos adversários. O Botafogo foi campeão carioca, se classificou para a Libertadores com a participação dele, importantíssima dentro do conjunto técnico. E agora o presente que ele recebeu foi, no dia de Natal, o Maurício tê-lo mandado embora – disparou.

Recentemente, o ex-jogador do Botafogo e companheiro de Jairzinho na Copa de 70, Carlos Alberto Torres, declarou apoio a Antônio Carlos Mantuano nas eleições presidenciais do Fogão. Perguntado se aceitaria disputar a presidência do Alvinegro, o Furacão disse que não se vê neste cargo.

– Não estou preparado para ser presidente. A minha vontade sempre é de ajudar o Botafogo de todas as maneiras possíveis, mas não como presidente – finalizou.

G1.