Goleiro Bruno foi apresentado no clube de Varginha, evitou o assunto Eliza Samudio e garantiu estar preparado para voltar aos gramados

Goleiro Bruno foi apresentado no Boa Esporte
Superesportes/Reprodução/EM da Press

Goleiro Bruno foi apresentado no Boa Esporte

Depois de muita polêmica, o goleiro Bruno, enfim, foi apresentado no Boa Esporte na manhã desta terça-feira. Em uma rápida entrevista coletiva na cidade de Varginha, o jogador de 32 anos de idade respondeu às poucas perguntas feitas pelos jornalistas, falou de futebol e evitou comentar sobre a sua prisão e o caso Eliza Samudio.

Leia também: Patrocinadores e fornecedora de material esportivo rescindem com o Boa

“Estou muito feliz pela oportunidade dada, eu acho que as pessoas às vezes elas cobram muito a pessoa pelo o que acontece no passado. O Boa está abrindo as portas para mim, eu estou muito motivado”, disse o goleiro  Bruno na entrevista.

Sem jogar desde 2010, quando ainda defendia as cores do Flamengo, o arqueiro foi questionado sobre uma possível convocação futura à seleção brasileira. E ele admite que pensa nisso sim. “Sonhar nunca é demais. Mas eu vou trabalhar e fazer o meu melhor aqui dentro do Boa, eu vou deixar isso acontecer naturalmente”, comentou.

Leia também: “A chance de desistirmos de Bruno é zero”, afirma diretor do Boa Esporte

Ao ser questionado sobre a possibilidade de retornar à cadeia após o julgamento do habeas corpus concedido pelo STF (Supremo Tribunal Federal), Bruno disse que “ninguém fecha portas abertas por Deus”.

Confira outros trechos da coletiva :

Preparação para voltar aos gramados

“Eu venho me preparando psicologicamente há bastante tempo. Passar o que eu passei não é facil. Sinceramente, não ligo muito para o que as pessoas falam por aí. Foco no meu trabalho. O importante para mim é o recomeço”.

A perda de patrocinadores

“Eu deixo essa pergunta para os presidentes (sobre a saída dos patrocinadores). E estou aqui para jogar futebol”

Ajuda da esposa

“Várias vezes eu achei que não dava mais. Mas eu não posso simplesmente jogar a toalhas. Minha esposa, por exemplo, não aceitava de forma alguma que eu me entregasse. Eu acho que minha esposa foi a pessoa que mais me incentivou, que mais colocou pra cima. Agradeço a Deus foi atras de muita oração e foi por essas pessoas, por essas pessoas eu vou recomeçar”.

Edmundo na pauta

“Assim como tive colega de trabalho que passou por essa situação a carreira toda, o Edmundo, assim espero que seja minha trajetória também. Se não estiver preparado para a pressão, posso levantar e ir embora. A pressão sempre vai existir. Se não tiver preparado posso levantar aqui e ir embora. Tudo me fez perceber quem está ao meu lado e quem não está”.

Leia também: No embalo de Bruno, veja atletas que saíram da prisão e voltaram aos gramados

O goleiro Bruno terá a chance de mostrar novamente seu futebol com a camisa do Boa Esporte, que disputa a Série B do Campeonato Brasileiro. O clube mineiro de Varginha é o atual campeão da Série C.

www.reporteriedoferreira.com Por Ig