BESSA GRILL
Início » Destaque » Brasil vence a Sérvia e conquista seu primeiro título mundial

Brasil vence a Sérvia e conquista seu primeiro título mundial

22/12/2013 15:50

han_fernanda_brasil_Essa é uma história de dedicação, luta, derrotas, vitórias e sonhos. E não poderia ter outro fim. A primeira medalha do handebol brasileiro em mundiais não é de bronze, nem de prata. É de ouro. Diante de uma Arena Belgrado fervendo e barulhenta, contra 20 mil torcedores e mais sete rivais em quadra, as meninas do Brasil não se intimidaram. Vibraram quando tinham que vibrar. Fizeram faltas quando foi necessário. Reclamaram da arbitragem. E jogaram. Jogaram muito. Frias, Alexandra e cia. calaram a Sérvia, venceram por 22 a 20 e entraram para a história da modalidade no país, conquistando o título mundial de forma invicta. Mais cedo, a Dinamarca derrotou a Polônia e garantiu o bronze.

A vitória diante das sérvias foi a segunda no Mundial, a nona em nove jogos na competição, para não deixar dúvidas sobre a conquista invicta. Para completar, Babi ainda entrou para a seleção do Mundial como a melhor goleira, e Duda foi eleita a MVP (sigla em inglês para jogadora mais valiosa) da competição. Alexandra Nascimento, atual melhor do mundo, foi a artilheira da decisão com seis gols anotados.

O ouro no peito coroa um projeto iniciado há quatro anos pela Confederação Brasileira de Handebol, com a contratação do técnico dinamarquês Morten Soubak, comandante da vitoriosa campanha brasileira nas quadras sérvias. E, com Rio 2016 na mira, credencia o Brasil ao posto de candidato real a uma inédita medalha olímpica.

ESCALAÇÕES

Brasil: Babi; Dara, Duda, Deonise, Alê, Fernanda e Ana Paula. Entraram: Dani Piedade, Mayara, Déborah Hannah, Samira e Dani Piedade.

Sérvia: Tomasevic; Milosevic, Damnjanovic, Popovic, Eric, Ognjenovic e Cvijic. Entraram: Lekic, Zivkovic, Krpez, Filipovic, Rajovic e Risovic.

A CAMPANHA DO TÍTULO

Primeira fase (Grupo B):

Brasil 36 x 20 Argélia

Brasil 34 x 21 China

Brasil 25 x 23 Sérvia

Brasil 24 x 20 Japão

Brasil 23 x 18 Dinamarca

Oitavas: Brasil 29 x 23 Holanda

Quartas: Brasil 33 x 31 Hungria

Semifinal: Brasil 27 x 21 Dinamarca

Final: Brasil 22 x 20 Sérvia