BESSA GRILL
Início » Esportes » Brasil e Argentina duelam no sub-17: ‘É a nossa decisão’, afirma Kenedy

Brasil e Argentina duelam no sub-17: ‘É a nossa decisão’, afirma Kenedy

21/04/2013 12:47

Pode até ainda não valer o título, mas quando entrarem no gramado do Juan Gilberto Funes, em San Luís, neste domingo, às 19h10m (de Brasília), Brasil e Argentina farão uma espécie de “final antecipada” do Sul-Americano sub-17.

Não que haja menosprezo à Venezuela, que divide a liderança da fase final com quatro pontos ao lado das duas seleções. No entanto, o clássico entre brasileiros e argentinos é o mais agudado do torneio. O vencedor, por exemplo, assegura vaga no Mundial da categoria e dá um enorme passo rumo ao título.

– É a nossa decisão. Ainda não dá para dizer que vale o título antecipado, mas quem vencer dará um enorme passo para isso – disse o atacante Kenedy, do Fluminense, artilheiro do Brasil, com três gols.

treinoselecao_Seleção sub-17 se prepara para pegar a Argentina (Foto: Divulgação / CBF)

Brasil e Argentina iniciaram o torneio com três objetivos. Além da vaga no Mundial e do título, as seleções buscam apagar as decepcionantes campanhas das equipes sub-20 no Sul-Americano realizado na mesma região, em janeiro. Na ocasião, as duas seleções foram eliminadas precocemente na primeira fase.

– É um grupo diferente, mas é claro que conversamos sobre isso. Não tem como ser diferente. Queremos vencer o Sul-Americano, para apagar e passar por cima do que passou.

Para o clássico deste domingo, o Brasil não terá um de seus principais jogadores. O atacante Mosquito, do Atlético-PR, sofreu uma lesão muscular na estreia no Hexagonal Final contra o Uruguai e não enfrenta a Argentina

– Conversamos muito com o Mosquito, que é um jogador muito importante. Vamos precisar muito dele, e tenho certeza que o Mosquito estará conosco em campo contra o Paraguai (na última rodada, no próximo domingo).