BESSA GRILL
Início » Destaque » Robô Curiosity encontra vestígios de antigo curso d’água em Marte

Robô Curiosity encontra vestígios de antigo curso d’água em Marte

28/09/2012 13:00

O robô americano Curiosity, que chegou a Marte em 6 de agosto, encontrou cascalho no planeta vermelho, aparentemente proveniente do leito de um antigo curso d’água no passado, anunciaram esta quinta-feira as autoridades da missão científica.

Já tinham sido observadas provas da presença de água em Marte no passado, mas nunca tinham sido detectados sedimentos deixados pela água, afirmaram.

“Esta é a primeira vez que vemos cascalho transportado pela água em Marte”, disse William Dietrich, da Universidade da Califórnia, um dos cientistas da missão.

“Esta é uma transição entre as hipóteses sobre o tamanho dos materiais transportados pelo fluxo d’água e a observação direta destes últimos”, acrescentou.

As imagens transmitidas pelo laboratório móvel Curiosity mostram cascalho encrustrado em uma camada de rochas aglomeradas.

Os tamanhos e as formas destas pedras dão uma ideia de velocidade e distância do fluxo desta corrente, segundo os cientistas.

“A partir do tamanho do cascalho, se pode inferir que a água fluiu a 0,91 metro por segundo” a uma profundidade de um metro, o correspondente à distância “do tornozelo ao quadril”.

 

 

A forma arredondada de algumas destas rochas indicam que foram transportadas por longas distâncias da parte superior da bacia, onde um “canal” chamado “Peace Vallis” se unia à corrente aluvial.

“A forma deste cascalho indica que foi transportado e o tamanho confirma que não foi arrastado pelo vento, mas pelo fluxo d’água”, disse Rebecca Williams, do Instituto de Ciências Planetárias em Tucson (Arizona, sudeste dos EUA), membro da equipe científica encarregada do Curiosity.

A abundância de canais na bacia aluvial sugere que estes fluxos d’água foram contínuos ou repetidos durante um longo período de tempo e não ocasionais ou de alguns poucos anos, explicaram os cientistas.

 

 

 

 

Da AFP