BESSA GRILL
Início » Destaque » Mudança no trânsito de Mangabeira e Cidade Universitária ocorre sem transtornos

Mudança no trânsito de Mangabeira e Cidade Universitária ocorre sem transtornos

“Estamos fazendo os últimos ajustes e correções para que tudo funcione bem durante os dias úteis"

24/08/2014 19:35

MANGABEIRA TRANSITOA tranquilidade marcou o primeiro dia da alteração de sentido de circulação de trânsito em ruas dos bairros de Mangabeira e Jardim Cidade Universitária, na manhã deste domingo (24). A medida foi tomada pela Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de João Pessoa (Semob-JP), após solicitação do Departamento de Estadas e Rodagem (DER), para dar continuidade às obras do Trevo de Mangabeira.

“Todo o planejamento foi feito pela Semob, em conjunto com o DER e a empresa construtora que está executando a obra, no sentido de minimizar quaisquer transtornos ao cotidiano da população durante a execução dessa importante obra de mobilidade para a cidade”, afirmou o superintendente executivo de Mobilidade Urbana, Roberto Pinto.

A Semob iniciou a organização do trânsito logo cedo com a presença de técnicos, agentes de mobilidade urbana e equipe de educação, que acompanhavam as mudanças e orientavam os condutores com o bloqueio de trechos das Avenidas Hilton Souto Maior, Josefa Taveira e Walfredo Macedo Brandão (Jardim Cidade Universitária).

“Estamos fazendo os últimos ajustes e correções para que tudo funcione bem durante os dias úteis, quando o fluxo de veículo é muito maior que o de domingo. Durante a próxima semana, também estaremos fazendo avaliações dos ajustes necessários”, afirmou Cristiano Nóbrega, diretor de operações da Semob.

A preocupação da Semob com este esquema de trabalho é minimizar os transtornos que possam ocorrer nos primeiros dias de mudanças no trânsito na área da obra do trevo, por isso foi realizada até uma ação educativa junto aos moradores e condutores. “Pedimos a população compreensão, atenção e cuidado quando for circular pela área. Outra orientação aos motoristas é que evitem essa área, se possível, traçando rotas alternativas para chegar ao lugar desejado”, observou Roberto Pinto.

Os agentes de mobilidade vão ficar, pelo período de 15 dias, em pontos estratégicos nos dois principais bairros para orientar os motoristas.

Condutores – Mesmo sabendo que o trânsito naquela região ficará complicado durante a construção do Trevo de Mangabeira, os condutores estavam cientes de que é uma obra necessária para garantir a fluidez ao tráfego e dar segurança aos condutores no futuro. “A construção do trevo é importante e só pode ser feita mediante grandes intervenções. É um transtorno passageiro para garantir no futuro um trânsito melhor e mais qualidade de vida para a população”, disse o militar aposentado Orlando Oliveira, que mora na Torre.

A aposentada Fátima Costa considerou o primeiro dia de mudança tranquilo. “Já estava preparada, pois ouvi sobre a mudança no rádio. Eu acho interessante colocar mão única em algumas vias porque o trânsito vai ficar mais organizado”, afirmou.

Quem também passou pelo local neste domingo foi o bancário Aluísio Firmino, que disse ter consciência que a alteração do trânsito é necessária para a realização da obra. “Uma mudança dessa é muito complexa, mas vai trazer grandes benefícios. No início é complicado, mas depois as pessoas se acostumam com as alterações. A cidade precisa de mudanças e mudanças só existem quando obras são feitas”, avaliou.

 

Mapa das modificações (Crédito: Reprodução/SEMOB)

Como fica:

José Américo/Mangabeira – A Avenida Hilton Souto Maior foi interditada da rotatória em frente ao CAIC até a rotatória da Josefa Taveira, próximo à Cehap. Os condutores vindos do José Américo têm que entrar pela Rua Francisco Augusto Fernandes, continuando pela Rua Ivete de Oliveira Cardoso, retornando à Avenida Hilton Souto Maior em frente à Aldeia SOS, onde podem entrar para Mangabeira ou fazer o contorno para pegar os Bancários pela Rua Inácio Ramos de Andrade (lateral da Secretaria de Segurança Pública).

Um semáforo foi instalado no cruzamento da Avenida Josefa Taveira com a Rua Ivete de Oliveira Cardoso, com a finalidade de ordenar o trânsito.

Penha/José Américo – Quem segue neste sentido, na Avenida Hilton Souto Maior deve entrar na Rua Inácio Ramos de Andrade (lateral da Secretária de Segurança Pública), Rua Paulino dos Santos Coelho, voltando para Walfredo Macedo Brandão (principal do Jardim Cidade Universitária) sentido Mangabeira, seguindo à direita em direção ao José Américo.

Bancários/ Mangabeira – Para os veículos vindos dos Bancários em direção à Mangabeira, a mudança foi na Avenida Walfredo Macedo Brandão, que passou a ter sentido único a partir da Rua Paulino dos Santos Coelho (na altura do prédio do INSS) até a rotatória. Nesse ponto, os condutores podem escolher a melhor rota para chegar à Mangabeira, entrando à direita para pegar a rotatória do CAIC e seguir pela Alfredo Ferreira da Rocha ou à esquerda no trecho da Hilton Souto, que teve circulação invertida até rotatória próxima a Aldeia SOS para entrar pela Rua Luiz Alberto M. Coutinho.

Mangabeira/Bancários – Em direção aos Bancários, o condutor tem três opções: Rua Alfredo Ferreira da Rocha, a Avenida José Taveira e Prof. Luiz Alberto Coutinho, seguindo os desvios programados pela Semob.

Mangabeira

-Rua Joamir Severino dos santos

-Rua Major Luiz Heráclito da Costa

-Rua Comerciante Antônio Patrício Leite

-Rua Severino Antônio de Souza-Rua Diva Costa da Silva

-Rua João Alves da Costa

-Rua Professor Luiz Carlos T. Neto

 

Jardim Cidade Universitária

-Rua Comerciante José Miguel Neto

-Rua Comerciante Edson Paiva de Araújo

-Rua Wilson Flávio Moreira Coutinho

-Rua Comerciante Marcos Joane da Costa

-Rua Celso de Paiva Leite

-Rua Pastor Frank Dyer


Reporteriedoferreira.com Portal PMJP