BESSA GRILL
Início » Colunistas » O PAPO É SOBRE EDUCAÇÃO: Escrito Por Lena Rolim Guimarães

O PAPO É SOBRE EDUCAÇÃO: Escrito Por Lena Rolim Guimarães

24/01/2019 21:20

O PAPO É SOBRE EDUCAÇÃO: Escrito Por Lena Rolim Guimarães

“O governador João Azevêdo se reuniu ontem, na Granja Santana, com representantes do Instituto de Corresponsabilidade pela Educação (ICE), do Instituto Qualidade do Ensino (IQE) e do Instituto Sonho Grande (ISG), que apoiam a implantação das Escolas Cidadãs Integrais na Paraíba. Na oportunidade, o gestor discutiu a ampliação da oferta deste modelo de ensino e anunciou que o Estado terá mais 53 Escolas Cidadãs Integrais, em 2019”.

Assim começa a notícia enviada da Secretaria de Comunicação do Estado à imprensa. E se tem uma coisa que me alegra é noticiar investimento na área da educação. Pessoalmente, acredito que não há outro caminho para livrar nosso Estado da criminalidade. Mas, vamos ser honestos… nem sempre a propaganda mostra o que realmente é.

Certamente a intenção do governo é muito boa. A proposta de escola integral já deveria estar sendo desenvolvida há muito tempo na Paraíba. O problema é que não adianta construir dezenas e centenas delas, se não houver estrutura para receber alunos e professores e estes tiverem que conviver com um completo estado de abandono.

Por essas bandas de João Pessoa e lá pelos lados de Campina Grande, embora também exista sofrimento, ainda se tem a atuação mais rígida dos órgãos fiscalizadores que exigem mudanças e melhorias. Não acontece o mesmo nas cidades do interior e eu aqui falo com conhecimento de causa porque sou frequentadora de pequenos municípios.

O que está acontecendo lá é que estão depositando alunos e professores em escolas de tempo integral que não oferecem a mínima condição para o desenvolvimento educacional. Aliás, algumas delas não estão em condições de funcionar nem mesmo por meio período.

Então, João, entenda a minha crítica construtiva e repense a instalação dessas escolas. Faça-as, mas dê aos profissionais e às crianças e adolescentes que nelas irão viver, as condições mínimas necessárias para isso.

TORPEDO

“Eu devo um favorzão a Rodrigo Maia, porque estive praticamente todas as semanas em Brasília e ele me ajudou na implantação da TV Assembleia em algumas cidades. Mas uma coisa não se mistura com a outra. Seguirei o encaminhamento do partido, e o PSB tomou a decisão de não votar nele.”

Do presidente da ALPB e deputado federal eleito Gervásio Maia, sobre a eleição para presidente da Câmara Federal.

Eleição fora de época

Mais três candidatos registraram suas postulações na Justiça Eleitoral de Cabedelo ontem. A partir de agora a campanha começa a pegar fogo na cidade, que vai enfrentar uma eleição suplementar depois da ‘Xeque-Mate’.

Eneide Regis

“Todos me conhecem em Cabedelo e sabem que tenho uma ficha limpa, que sempre trabalhei para que todos tivessem direito à saúde, a educação, tivessem uma vida digna. É assim será também o meu mandato”.

José Eudes

“Vou priorizar o combate à corrupção e a geração de emprego, principalmente no turismo. Somos um nome limpo, já no segundo mandato de vereador e, por isso, estamos prontos para a disputa”.

Marcos Patrício

“Represento a real necessidade de mudança. A cidade precisa renovar seus quadros políticos para se libertar das oligarquias dominantes. É preciso dar um basta nisso tudo e o cenário nunca esteve tão propício.

Enxugando

O presidente do TJPB, desembargador Márcio Murilo da Cunha Ramos, anunciou novas ações para o enxugamento da folha de pagamento com cargos comissionados, que representarão uma economia de R$ 1.976.100,00 anual.

Cargos

A proposta do presidente é apresentar ao Pleno do TJ um anteprojeto de lei para a extinção de sete gerências: Arquitetura, Cerimonial, Comunicação, Protocolo e Distribuição, Segurança Institucional, Acervo e Telejudiciário.

Código

A Corregedoria-Geral de Justiça da Paraíba vai lançar hoje a versão atualizada do novo Código de Normas Judicial. O documento passou por uma revisão, na qual foi priorizada a adaptação dos artigos ao texto do Código de Processo Civil.

ZIGUE-ZAGUE

< O Tribunal de Contas do Estado emitiu ontem 12 alertas. Um foi para o Governo do Estado. Os outros 11 a gestores municipais. Eles devem corrigir irregularidades nos portais de transparência. Faltam informações sobre seus orçamentos.

> Na lista constam João Pessoa, Curral de Cima, Mataraca, Lucena, Rio Tinto, Marcação, Itapororoca, Ingá, Gado Bravo, Alcantil, Massaranduba e Serra Redonda. Em alguns casos faltam informações sobre contratos e licitações.

www.reporteriedoferreira.com.br