BESSA GRILL
Início » Cidades » São João de Patos, no Sertão da Paraíba, cadastra comerciantes a partir de segunda-feira

São João de Patos, no Sertão da Paraíba, cadastra comerciantes a partir de segunda-feira

27/05/2017 07:35

 

Cadastro acontece entre os dias 29 de maio e 2 de junho.

Começa na segunda-feira (29) o cadastro de comerciantes interessados em atuar no São João de Patos, no Sertão da Paraíba. De acordo com o edital, a prefeitura vai oferecer 408 vagas, sendo que 192 são para os chamados ‘isoposeiros’ e 70 são para barracas.

O cadastramento vai ser feito de acordo com o tipo de comércio, sendo que a cada dia vão ser atendidos categorias diferentes, no Centro de Comercialização Batista Leitão, das 8h às 14h.

Para fazer o cadastro, os comerciantes precisam apresentar cópias dos documentos pessoais (RG e CPF), comprovante de residência local ou contrato de aluguel com, no mínimo, seis meses de locação, cópia de quitação de débito do São João de 2016.

Segundo a secretária de Desenvolvimento Econômico, Paloma Lustosa, a renovação de vagas para os vendedores deve ser de aproximadamente 20% , considerando a necessidade de renovação do quadro de comerciantes e outros fatores. “Se o número de cadastrados for maior que o número de vagas ofertadas, deveremos realizar um sorteio entre os comerciantes, considerando cada seguimento”, afirmou.

A festa acontece de 20 a 25 de junho, no Terreiro do Forró, e a programação tem mais de 30 atrações, sendo 20 artistas locais. Entre as atrações, estão Gusttavo Lima, Wesley Safadão, Luan Santana, Aviões do Forró e Gabriel Diniz, além de uma programação religiosa, com a banda Rosa de Saron.

Veja o calendário de atendimento

  • Dias 29 e 30 de maio – barracas de bebidas, caipifrutas e comidas.
  • Dias 31 de maio e 1 de junho – Isopor e Food- trucks
  • Dia 2 de junho – Barracas diversas

Sítio São João é aberto ao público a partir de 2 de junho, em Campina Grande

Sítio São João reproduz ambientes típicos do Sertão nordestino do início do século de 1900. (Foto: Rafael Melo/G1/Arquivo)

Sítio São João reproduz ambientes típicos do Sertão nordestino do início do século de 1900. (Foto: Rafael Melo/G1/Arquivo)

O sítio São João, um dos locais mais procurados para visitação durante o Maior São João do Mundo, em Campina Grande, vai ser aberto ao público entre os dias 2 de junho e 2 de julho, das quartas-feiras aos domingos. Na programação estão previstos shows de forró, emboladas de coco e repentes. A entrada para o local vai custar R$ 10 inteira e R$ 5 para estudantes.

Segundo o coordenador do Sítio São João, João Dantas, o lançamento oficial da programação vai acontecer no dia 30 de maio. A estrutura é montada na avenida Canal, no bairro Catolé, sem número.

O sítio São João tem uma área total de dois hectares e traz réplicas de típicos ambientes sertanejos no início do século passado. Ao todo são 18 ambientes, entre casas, bodegas, rádio difusora, tipografia de cordel, casa de artesanato, estúdio de foto lambe-lambe, estúdio de foto-mochilas, duas igrejas, casa de sítio, depósito de cereais, casa de ferreiro, moedores de canal e ainda quatro engenhos de cachaças e casa de fabricação de farinha.

Sítio tem também um moinho de engenho de cana-de-açúcar (Foto: Rafael Melo/G1/Arquivo)

Sítio tem também um moinho de engenho de cana-de-açúcar (Foto: Rafael Melo/G1/Arquivo)

Estrutura do sítio

A maior parte do sítio São João é montado com peças reais, contando com estruturas típicas da época, como as casas de taipa. Dentro das casas também são montados ambientes com peças de mobília, utensílios e equipamentos reais, de época, tornando o local um museu vivo.

“É um local onde os mais velhos podem recordar o passado e o mais novos conseguem fazer uma viagem no tempo. Não é uma estrutura cenográfica. Tudo é real. Nos engenhos, os visitantes vão poder conhecer o processo de fabricação de quatro tipos de bebidas. Nas farinhadas também podem acompanhar todo o processo de produção, do início ao fim”, conta João Dantas.

Além dos ambientes para visitação, o Sítio São João conta com dois espaços com estruturas para receber shows e para que público possa dançar. Em todos os dias de funcionamento, o local vai receber trios de forró pé-de-serra, emboladas de coco e repentistas. O sítio também tem espaços para alimentação com a típica comida regional.

www.reporteriedoferreira.com.br Por Assessoria