A PESTE NA PARAÍBA: Escrito por Gilvan de Brito 

  A PESTE NA PARAÍBA: Escrito por Gilvan de Brito

A peste já visitou a Paraíba em duas oportunidade, e matou cerca de 40 mil pessoas entre os anos de 1855-61, da forma como conto no meu livro: ”Dança com os Mortos”, com 80 páginas, ainda inédito, à espera de um editor ou de um mecenas. A história das epidemias de cólera morbus e da febre amarela é trágica e narra o quadro de degradação das pessoas atingidas.

Com o corpo esquelético a aparência da vítima se mostrava atemorizante: pele ressequida com erupções azuladas, olhos fundos, unhas roxas, rosto pálido, lábios escurecidos, corpo contraído e cãibras nas pernas. Quem presenciasse esse quadro ficava amedrontado pela imagem do doente incurável e logo tinha reações inconcebíveis de afastar-se, de fugir ou de sair correndo pelas ruas quando se tratava de pessoas íntimas, pais, filhos, parentes ou amigos.

O cólera atingia o auge a 22 de março de 1856, quando faleceram naquele dia 59 pessoas, isso numa população da Capital (então chamada de Parahyba) pouco superior a seis mil habitantes, o que representava quase um por cento da população a cada 24 horas. Houve um caso descrito pelo presidente da Província em que os pais e todos os adultos da casa foram fatalmente contaminados, restando apenas duas crianças de pouca idade. Guardando as devidas proporções territoriais e populacional, a Paraíba foi o Estado mais atingido do Brasil.

Este livro é o único registro oficial da tragédia, que me tomou vários meses de pesquisa nos jornais da época na Paraíba e no Rio de Janeiro, para elaborá-lo. É mais um dos 134 livros que escrevi, dos quais publiquei 32 enquanto 102 continuam inéditos, a maioria falando de coisas da Paraíba. Infelizmente aqui não se publica com o apoio oficial, mesmos os livros de interesse público e histórico.

É uma lástima essa Paraíba. Recentemente fui vítima do “Conto do livro”, quando o governador mandou selecionar alguns livros dos autores paraibanos, há mais de um ano, dos quais constou “Não me chamem Vandré”, da minha autoria, quando se fez até o empenho para pagamento, depois acintosamente rasgado. A maioria dos meus livros publicados deriva, pois, de prêmios literários conquistados, em João Pessoa, Brasília e Rio de Janeiro.

www.reporteriedoferreira.com.br



Galdino prevê “tranquilidade e equilíbrio” na votação da reforma da Previdência

Mesmo envolta a embates entre os grupos de parlamentares que compõem a ALPB, a reforma da previdência deve ser analisada e votada com tranquilidade. A previsão é que a matéria seja apreciada em plenário no início de abril. É o que garante o presidente da Casa, deputado estadual Adriano Galdino.

“Ainda esse mês de março deveremos está votando essa matéria com muita tranquilidade e muito equilíbrio no âmbito das comissões” disse.

Adriano Galdino já havia explicado que a nova Previdência deve ser aprovada  para que o Estado da Paraíba possa se adequar às novas regras previdenciárias como determina a legislação federal.

“Caso não haja aprovação, a Paraíba corre o risco de perder a nota de credibilidade fiscal, ficando prejudicada na contratação de novos créditos e até de repasses federais”, destacou em entrevista recente.

Amanhã, segunda-feira (16), uma Audiência Pública para debater o Projeto de Lei Complementar que altera o regime previdenciário do Estado será realizada na Assembleia Legislativa da Paraíba. Estão previstas a participação de diversas categorias, auxiliares do Governo e autoridades do Estado.

A decisão para debater o assunto em audiência pública veio após diálogo do presidente Adriano Galdino, líderes da situação e oposição com representantes de diversas categorias de servidores estaduais.

Para o presidente Adriano Galdino, o diálogo é a base do trabalho do Poder Legislativo. “Somente com diálogo podemos ouvir os diversos pontos de vista e deliberar quais as principais demandas das categorias. Eu, como presidente da Assembleia, garanto que esta Casa sempre estará de portas abertas para receber todos”, resumiu.

O projeto de Lei Complementar sobre a previdência do Estado está atualmente tramitando na Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) da ALPB. Até o momento, três reuniões já foram realizadas para debater o assunto, sendo a última realizada na manhã de hoje. “A Audiência Pública vai ampliar ainda mais a discussão do tema, com a participação de diversos setores da sociedade”, comentou Galdino.




Geraldo Medeiros; ” Paraíba está em estado de alerta  e o governo como um todo”

 

Desde que os primeiro casos de coronavírus foram confirmados no Brasil, a Paraíba está em estado de alerta  e o governo como um todo, especialmente através da secretaria de Saúde está monitorando os casos suspeitos e tomando medidas emergenciais para combater a proliferação do vírus no território paraibano.

O secretário de Saúde Geraldo Medeiros declarou durante entrevista à Arapuan FM nesta segunda-feira (16), que nesta terça o governador João Azevêdo deverá estar anunciando novas medidas, para além do decreto emergencial publicado no último sábado. O objetivo é justamente fazer com que a Paraíba, que não conta com nenhum caso confirmado, possa se resguardar da pandemia.

Apesar de declarar que as expectativas da população com relação às medidas de proteção devem ser atendidas, o secretário disse que não podia adiantar muita coisa, até porque as medidas que foram deliberadas em reunião ainda devem passar pelo crivo de Azevêdo antes de serem anunciadas.

“Nós tivemos reunião na sexta com o governador e secretários e algumas deliberações foram efetivados, um decreto emergencial foi criado e a criação do comitê de crise. Foram tomadas uma série de deliberações que vão ser ditas pelo governador mas o norte é que as aglomerações sejam evitadas. O cenário da Paraíba tem sido diferente pois não temos nenhum caso confirmado, nem a transmissão local, nós não temos transmissão comunitária e nos reunimos e amanhã o governador irá anunciar todas as deliberações mas com certeza vai atender as expectativas de prevenção” disse.

Uma coletiva será realizada para anunciar as novas medidas que devem contemplar inclusive a suspensão das aulas nas escolas públicas.

Na última sexta-feira (13), o governador determinou as primeiras medidas para combater à doença, como a suspensão de audiências do Orçamento Democrático e a recomendação para não realização de eventos com um público grande.

www.reporteriedoferreira.com.br

 




Polícia Civil incinera mais de meia tonelada de drogas em Campina Grande

A Polícia Civil da Paraíba, por intermédio da Delegacia de Repressão ao Entorpecente (DRE) de Campina Grande, realiza na manhã desta segunda-feira (16) a incineração de mais de meia tonelada (600kg, aproximadamente) de drogas ilícitas, entre elas maconha, cocaína, crack, comprimidos ilegais, além de solventes e inalantes, que foram apreendidas nos últimos meses na região metropolitana de Campina Grande.

As apreensões foram realizadas durante operações conjuntas pelas Forças Policiais estaduais – Polícia Civil, Polícia Militar, Polícia Penal e Corpo de Bombeiros.

O procedimento de destruição dos entorpecentes ocorre após autorização judicial e acompanhamento do Ministério Público, e conta com a presença do Delegado Geral de Polícia Civil e do Superintendente Regional de Polícia Civil, representantes dos comandos da Polícia Militar, Polícia Penal e Corpo de Bombeiros Militares, bem como de representantes da Vigilância Sanitária e do Instituto de Polícia Científica da Polícia Civil.

Tocador de vídeo

00:00
00:17

drogas Incineração Polícia Civil

www.reporteriedoferreira.com.br




Agricultor e filho de 6 anos são assassinados, Jovem é morto em Caaporã

Um adolescente identificado apenas como Leandro foi assassinado na noite desse domingo (15), na cidade de Caaporã, no Litoral Sul paraibano.

Segundo a polícia , o crime aconteceu no conjunto Santo Antônio naquele município . A vítima foi executada com vários tiros.

Até o presente momento ninguém foi preso e não há informações de quais as motivações para o crime.

Agricultor e filho de 6 anos são barbaramente assassinados

Um homem e seu filho de apenas cinco anos de idade foram brutalmente assassinados a golpes de faca na tarde deste domingo (15), no sítio Bela Vista, Zona Rural da cidade de Riachão do Poço, Zona da Mata paraibana.

Informações colhidas pela polícia dão conta de que o suspeito de cometer o crime é um homem que teria se desentendido com o pai da criança. De acordo com testemunhas, o suspeito chegou ao sítio na última sexta-feira (13) buscando trabalhar em uma fazenda.

Uma terceira pessoa que tentou apartar a briga entre agressor e vítima chegou a ser golpeado, mas correu e se escondeu em um matagal. A Polícia Militar e uma equipe do SAMU estiveram no local. O suspeito teria fugido do local portando uma espingarda calibre 36 e a arma do crime.

 




Irmão de prefeita é assassinado a tiros, acidente na BR-101 deixa três pessoas feridas

Irmão de prefeita é morto a tiros no interior da Paraíba

Segundo informações, dois homens em uma moto Honda Bross de cor preta, abordaram a vítima (Tiquinho) no momento que ele chegava em sua residência, que fica no centro da cidade de Santa Inês (sua terra natal e onde ele residia).

Testemunhas informaram que as cenas foram de execução e que após o crime, os autores fugiram com destino ignorado.

Tiquinho morava com sua esposa, a professora diamantense Vera Lúcia Eduardo, com quem tinha duas filhas Vívian e Cinthia.

Tico de Carmelita conhecido popularmente pela população diamantense, foi vereador por um mandato no município de Diamante, entre os anos de 1997 a 2000.

A Polícia Militar do Destacamento de Santa Inês isolou o local do crime e aguarda a chegada do Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) do Instituto de Polícia Criminalista (IPC) da Paraíba para a remoção do corpo. O motivo do crime que choca as duas pequenas cidades sertanejas é desconhecido.

Acidente na BR-101 deixa três pessoas feridas; PRF prende motorista

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu na tarde deste domingo (15) um motorista com sintomas de embriaguez flagrado trafegando na contramão. A ação do suspeito causou um acidente que deixou feridos e prejuízo material.

O acidente aconteceu na BR 101, km 105, no município de Alhandra, por volta das 16h. O veículo GM Classic seguia pela rodovia sentido João Pessoa para Recife quando foi surpreendido por um veículo VW Gol trafegando na contramão da direção.

Para não colidir frontalmente com o automóvel que seguia na contramão, o motorista tentou desviar e perdeu o controle da direção, saindo da pista e capotando o veículo. O motorista, um homem de 40 anos, foi socorrido pelo Samu para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa com lesões leves.

O motorista causador do acidente, um homem de 56 anos, continuou dirigindo pela contramão na rodovia, sendo abordado pela PRF poucos quilômetros após o acidente. Durante a abordagem, foi constatado através do teste de etilômetro que o condutor estava dirigindo sob efeito de álcool, sendo detido e conduzido à Polícia Civil.

A PRF havia recebido denúncias de pessoas que flagraram o motorista dirigindo pela contramão e estava realizando rondas para localiza-lo. Quando a equipe conseguiu aborda-lo foi informada por populares que havia acontecido um acidente a cerca de um quilômetro.

www.reporteiedoferreira.com.br




Campeonato Paraibano de 2020; Belo vencer por 4 a 1 Nacional de Patos

Foto: Caio Guilherme/ Voz da Torcida

Em jogo atrasado da sétima rodada do Campeonato Paraibano de 2020, o Botafogo-PB fez um gol relâmpago, tomou um susto, mas contou com noite inspirada de Lucas Simón, que entrou no lugar de Lohan ainda na primeira etapa, para vencer por 4 a 1 e deixar o Nacional de Patos na zona de rebaixamento do Grupo B do Campeonato Paraibano. A partida foi realizada no estádio Almeidão, em João Pessoa.

Na estreia do treinador Warley, o Belo não demorou para mostrar a que veio. Logo aos 3 minutos, Dico fez boa jogada pela esquerda e cruzou na cabeça de Lohan, que tocou no canto direito da meta nacionalina e estufou as redes para abrir o placar.

O Botafogo-PB por muito pouco não ampliou aos 6, quando Everton Heleno soltou a bomba da meia esquerda e a bola tirou tinta do poste esquerdo de Danilo.

Na sua primeira chegada ao ataque, o Nacional de Patos foi letal. Júnior Mandacaru recebeu na área, a zaga tentou cortar e a bola sobrou para Rafael Tchuca, que bateu no canto de Felipe, que não teve chance de defesa, para deixar tudo igual no marcador.

Aos 30, Dico teve grande chance de recolocar a equipe da casa na frente novamente. Após boa troca de passes do meio-campo botafoguense, Dico invadiu a área e ficou cara a cara com Danilo, mas na hora de marcar, tocou muito a esquerda, e a bola foi pela linha de fundo.

Lohan, autor do gol botafoguense, sentiu uma lesão na virilha e precisou ser substituído por Lucas Simón, ainda aos 35 da primeira etapa.

Apenas três minutos depois de entrar em campo, Lucas Simón aproveitou bate-rebate na área e, de pé esquerdo, chutou a bola da marca do pênalti para recolocar o Botafogo-PB em vantagem no jogo.

Segundo tempo

Logo na volta do intervalo, a estrela do atacante argentino voltou a brlhar. Com um minuto da segunda etapa, Pimentinha fez jogada pela direita, chegou a linha de fundo e tocou para a pequena área, onde o Lucas Simón entrou no meio da zaga para desviar de leve, com o pé esquerdo, e tirar o goleiro Danilo da jogada, fazendo o terceiro do Botafogo-PB no jogo.

O ritmo do jogo caiu com o Nacional tentando empatar e o Belo administrando a vantagem. Só aos 22 nova chance de perigo, quando Pimentinha recebeu livre na intermediária e ficou cara a cara com Danilo. Se atrapalhou, fico com a bola, driblou o goleiro e bateu de pé direito, mas a defesa afastou o perigo em cima da linha.

Em ritmo lento, o Belo conseguiu chegar ao seu terceiro gol aos 44 minutos. Após jogada pela esquerda, a bola sobrou na direita da área com Léo Moura. O lateral-direito bateu firme, cruzado, e Lucas Simón mais uma vez desviou para anotar seu hat-trick e fechar a vitória botafoguense.

Com a vitória, o Botafogo-PB chegou aos 14 pontos e permanece na terceira posição do Grupo A, mas com dois jogos a menos. O próximo compromisso do Belo pelo estadual será na quarta-feira (18), quando vai enfrentar o Sousa, novamente no Almeidão. O Nacional de Patos permanece com 5 pontos, e caiu para a lanterna do Grupo B. Também na quarta, o Canário do Sertão visita o Sport Lagoa Seca, no Amigão.

Ficha técnica

Botafogo-PB 4 x 1 Nacional de Patos

Campeonato Paraibano de 2020
15/03 – 7ª rodada (jogo atrasado)
Estádio: Almeidão (João Pessoa)

Arbitragem: Deborah Cecília Corrêa; Adailton Anacleto Gomes e Bruno Eduardo Trindade

Gols: Lohan, Lucas Simón (3x) (B); Rafael Tchuca (N)
Cartões amarelos: Wellington Cézar (B); Pêu, Yuri Silva (N)

Botafogo-PB: Felipe, Léo Moura, Fred, Luís Gustavo, Mário; Wellington Cézar, Everton Heleno, Cássio Gabriel; Dico, Pimentinha (Erivélton) e Lohan (Lucas Simón). Técnico: Warley Santos.

Nacional de Patos: Danilo, Pêu (Du), Yuri Silva, Carlão, Igor; Rafael Tchuca, Leomir, Patrick (Ciel); Manu, Júnior Mandacaru (Vitor) e Piauí. Técnico: Sérgio China.

www.reporteriedoferreia.com.br




Apoiadores de Bolsonaro ignoram alerta do Covid-19 e mantêm manifestação em JP

Manifestantes estão reunidos no Busto de Tamandaré, apesar de recomendação para evitar aglomerações.

Manifestantes ignoram risco de contágio por Covid-19 (Foto: Reprodução)

Apoiadores de Bolsonaro em João Pessoa contrariaram as recomendações de evitar aglomerações para prevenir o contágio do Covid-19 e se reuniram no Busto de Tamandaré, para manifestar apoio ao presidente, na tarde deste domingo (15).

O deputado Cabo Gilberto, um dos maiores apoiadores de Jair Bolsonaro na Paraíba, havia convocado para as manifestações deste dia 15 em suas redes sociais usando a hashtag #DesculpeJairMasEuVouDia15.

O próprio presidente havia pedido para que as manifestações fossem canceladas devido ao risco de transmissão do Coronavírus, mas acabou participando do evento em Brasília, onde pegou nas mãos de diversos manifestantes.

A manifestação foi organizada como forma de protestar contra o Congresso e os ministros do Supremo Tribunal Federal, que segundo os manifestantes, são instituições que perseguem o governo.

 

 




Homem armado invade Codomínio na Capital e faz famílias refém

Um homem armado invadiu um condomínio residencial localizado no bairro de Oitizeiro, em João Pessoa, e fez uma família refém. O caso foi registrado na manhã deste domingo (15).

Armado com uma faca, o homem rendeu a família e trancou as pessoas em um banheiro. Câmeras de segurança registraram a movimentação do criminoso nos corredores do local.

Com as pessoas impossibilitadas de sair, o suspeito levou vários pertences. Ninguém ficou ferido durante a ação. Aos que reconhecerem o suspeito, a polícia disponibiliza os números 190 ou 197 à população. As câmeras de segurança serão requisitadas pela polícia que está investigando o caso visando a identificação do criminoso




Abusos de Bolsonaro levam OAB, ABI e CNBB a promoverem evento e pedirem reação

Os Presidentes da OAB, ABI, CNBB e Comissão Arns, em texto publicado neste domingo pediram neutralização urgente das ameaças às instituições democráticas do Brasil e respeito à Constituição Federal de 1988.
O texto começa dizendo: “Constitui objetivo fundamental da República Federativa do Brasil, entre outros, ‘construir uma sociedade livre, justa e solidária, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação’”.

Para vencer as ameaças às instituições brasileiras, é sugerido pelos representantes buscar “lúcida compreensão e práticas democráticas”.

“É preciso reafirmar, no momento atual do país, com todas as nossas forças, que a democracia é o único regime político capaz de implementar a sociedade prevista na Carta Cidadã”, conclui o texto.

Os Presidentes da OAB, AB, CNBB e Comissão Arns são, respectivamente, Felipe Santa Cruz, Paulo Jeronimo de Souza, Dom Walmor Oliveira de Azevedo e José Carlos Dias.